RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador touro. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador touro. Mostrar todas as postagens

7/16/2019

O último dia de Soplón - Espanha

Gente do Céu, como alguém pode achar divertido ver um animal deste quebrar seu chifre e morrer se contorcendo? só pode ser psicopata..... Eu queria acordar um dia e ouvir: as touradas acabaram no mundo!!!!! 
-------------------
Soplón é o nome de um touro que correu o confinamento de San Fermín e terminou seus dias na

5/15/2019

Toureiro limpa lágrimas de animal antes de o matar na arena

A matéria é de um jornal de Portugal  (que também tem touradas) e daí eu pergunto como alguém pode assistir um ato de tamanha crueldade? pior ainda assistir um psicopata enxugando a lágrima do pobre touro..... Deus meu, leva estes demônios para onde nunca deveriam ter saído...... Gente, onde anda o Criador que não acaba com isto? é muita incoerência....

3/07/2019

REVOLTANTE: Tortura de um touro numa arena da Espanha

Três motivos maiores fizeram me jogar de cabeça na causa de defesa animal: experimentação animal, caça e touradas. Quando penso que já vi de tudo, deparo com uma cena que nos faz dar nó no estomago. Publico para que todos participem da luta pelo fim das touradas no mundo. 
IMAGENS MUITO FORTES. NÃO VEJA SE NÃO TIVER PREPARO EMOCIONAL

12/18/2018

Relação de ‘amizade’ entre touro de rodeio e cachorro vira-lata chama atenção no noroeste do Paraná

Quem não se enternece com uma história desta? é para arrasar qualquer coração que bate com o bem.....
------------------
A relação de “amizade” entre um touro de rodeio e um cachorro vira-lata tem chamado a atenção em Cianorte, no noroeste do Paraná. Segundo os moradores, tudo começou há cerca de quatro meses, quando o boi ficou doente

12/05/2018

Touro quebra a pata em rodeio - Austrália

Este vídeo tem, precisamente um ano que foi publicado. Pergunto eu à estes mequetrefes que defendem rodeios se, realmente, os animais não sofrem nestes eventos...... O pobre touro quebra a pata, sai da arena sem nenhuma ajuda e aí sabemos o que vai acontecer com ele, né mesmo? Fico revoltada e preocupada com este novo governo cujo representante diz que IBAMA é xiita e rodeios e vaquejadas são manifestações culturais......

11/30/2018

PS quer touradas sem sangue

Que gente maluca!!!!! de qualquer maneira, uma tourada é um espetáculo macabro de exploração animal..... Tem que acabar e PONTO.
------------------
Deputado socialista vai apresentar proposta de lei que prevê touradas com velcro no touro
O deputado socialista Pedro Delgado Alves vai apresentar uma proposta de lei que

11/29/2018

Touradas: os que gostam, não gostam e "não admitem que se goste"

Quanto está difícil o fim das touradas.... Como falei, enquanto não houver uma consciência coletiva da crueldade praticada, a coisa demora a acontecer....
---------------------
Uns vêem a tauromaquia como uma prática “passadista e machista” e defendem o seu fim numa óptica de progresso civilizacional. Outros dedicam-se a mantê-la viva – nas arenas, e não só. A descida do IVA nas touradas estará

11/28/2018

A “vida privada” do touro bravo antes dos “20 minutos de fama”

Gosto de publicar estas matérias porque ficamos conhecendo os bastidores da maldita tourada.... é impressionante.....
---------------
Como são criados os touros bravos até chegarem a uma praça de touros? Que raça é esta e o que pensam os seus criadores? O PÚBLICO esteve numa das maiores e mais prestigiadas ganadarias à procura de respostas.

11/19/2018

Peão morre após ser pisoteado por touro em Guaimbê

Deus que me perdoe, mas, UEBÁÁÁ!!!!! menos um a torturar os bichos..... Aconteceu outro caso no Paraná no sábado: Peão fica em estado grave após ser pisoteado por touro em rodeio no PR.... Ô coitados!!!!! Quem está com peninha, levanta o dedinho.....
=============
Guaimbê - O peão Edson Oliveira de

9/21/2018

Touro morre em largada na Moita. "Crueldade", criticam defensores dos animais - PT

Juro que me dá um engasgo tão grande que me desespera...... E o tal Bolsonaro diz que touradas são excelentes para o turismo.... Ai, meu Deus!!!!! eu me mato em plena arena!!!!!!!! Ou melhor, saio dando tiro!!!!! São eventos macabros de uma crueldade inaceitável..... Parecem demônios!!!!! Sou a favor de explodir estas melecas..... Pior é saber que é em homenagem a Nossa Senhora da Boa Viagem!!!!! A igreja não faz nada porque é sustentada por estes malditos.... Será que este Papa Francisco não poderia dar uma força nisto?
----------------------- 
Animal teria batido num obstáculo de madeira e partido a espinha. Morte ocorreu numa largada de touros no sábado. Plataforma Basta e PAN criticam o evento tauromáquico.

8/02/2018

Considerado o mais temido das arenas, touro Agressivo morre aos 17 anos: 'Dia triste para o rodeio', diz dono

Estes animais só deixam de ser explorados com a morte..... O grandão aí se foi.... lembrado somente pela sua "produção" no que foi explorado....
---------------
Touro, que vivia em uma fazenda em Icém (SP), ficou por oito anos invicto e ganhou os títulos mais importantes do rodeio.

Um dos animais mais temidos das arenas

6/18/2018

RODEIO: Touro tem patas quebradas em rodeio e é retirado arrastado para fora da arena

O site Vista-se publicou esta matéria ontem. Muito bem escrita e opinativa. Assim que gosto de ler as coisas, informando e formando pessoas. Excelente matéria mostrando a tragédia do que são rodeios e vaquejadas..... E saber que a porcaria de um veterinário aqui do Rio é candidato apoiando estes eventos macabros onde a exploração e sofrimento do animal é EXPLÍCITA. Detalhe que eles não tem uma única estrutura para retirar o animal ferido da arena. Arrastam o pobre que devia estar sentindo toda dor do mundo....Malditos perebentos criminosos!!!!!
-------------------
Touro tem patas quebradas em prova de rodeio na frente de milhares de pessoas em Adamantina-SP
Considerado o principal evento da cidade de Adamantina, no extremo oeste do estado de São Paulo, o Adamantina Rodeo Festival ocorreu entre os dias 11 e 16 de junho e reuniu dezenas de milhares de pessoas de toda a região.

Na noite da última quarta-feira (13), o recinto do rodeio estava lotado quando um touro teve as duas patas traseiras quebradas durante uma prova de montaria. O vídeo que você confere abaixo foi feito por pessoas que estavam na arquibancada e, mesmo apoiando o rodeio, lamentaram a cena que viram.

É possível ouvir claramente no vídeo várias pessoas comentando que estão com dó do animal, que ele acabará sendo morto e que ele deve estar com dor. É também possível ouvir vaias à situação. Mas não é possível saber se as pessoas estão vaiando a demora para que o animal seja retirado ou o tratamento rude dado a ele.

O touro tenta levantar e não consegue, então, começa a se arrastar pelo recinto com as patas traseiras imóveis. Na pressa para retirar o animal e dar sequência às provas, um grupo de homens puxa o animal pela cauda e usa também uma corda em seu pescoço puxada por um homem montado em um cavalo.

Após ser retirado da arena, há informações não oficiais de que o animal recebeu atendimento, chegou a ser levado a um hospital veterinário, mas foi morto. Embora em um primeiro momento seja natural pensar em “acidente”, essa situação não pode ser entendida dessa forma. Quando uma pessoa decide obrigar um animal a participar de uma competição como essa, assume o risco de que tragédias assim aconteçam.

Isso sem falar no risco para os seres humanos, que frequentemente saem machucados ou mortos desse tipo de evento – o que também é lamentável. Mas no caso dos peões, eles escolheram estar ali, encaram o risco por vontade própria. Os touros, não. É injusto.

Procuramos um posicionamento sobre o acontecido nas páginas oficias da empresa Cabeludo Eventos, que organiza o Adamantina Rodeo Festival, do Circuito Rancho Primavera (CRP), que é responsável pelo campeonato de rodeio e suas provas, e também de dois jornais locais. Ninguém se posicionou publicamente sobre o assunto.

O Adamantina Rodeo Festival deste ano contou com shows de Alok, Henrique & Juliano, Marília Mendonça, Júlia & Rafaela, Brenno & Matheus e Matogrosso e Mathias; artistas, que apoiam eventos como esse.

Fonte: Vista-se

5/31/2018

TOURADA: Touro tem um colapso e morre durante tourada na Espanha

A ANDA publicou uma matéria ontem mostrando como os touros são tratados na maldita Espanha!!!!! Salvo nossos companheiros que lutam tanto pelo fim destas tragédias, o povo espanhol  só perde para a China em se tratando de crueldade contra os animais.....
---------------
O animal pode ser visto cambaleando, tentando se manter de pé pouco antes de ir ao chão
Um vídeo circulou pela internet esta semana mostrando um touro tendo um colapso durante uma tourada na Espanha. O animal sacudiu os chifres por alguns instantes e cambaleou, até que pessoas vieram ajudá-lo a colocá-lo de pé novamente.

Infelizmente, ele não suportou o estresse e acabou cambaleando outra vez, desta vez indo de encontro ao chão e terminando morto. O vídeo a seguir contém cenas fortes.

Touromaquia Es Violencia (Tourada é violência), uma coalizão de organizações em prol dos direitos animais, decidiu fazer uma passeata em Madrid neste domingo, para conscientizar as pessoas sobre os danos causados aos touros explorados nos eventos.

Os organizadores da marcha esperam juntar cerca de 30 mil protestantes de 180 grupos diferentes de ativismo. A porta-voz Marta Esteban disse em entrevista ao portal Metro: “Esse touro estava em uma cela, como uma caixa onde eles carregam os animais, que mede apenas 2m x 2m.” E continua dizendo que “alguns deles perdem cerca de 30 kg antes de serem lançados. Então só isso já é um sofrimento terrível para eles que só querem ficar com seu rebanho.”

Ela conta que o touro começou a ter aquela reação de não conseguir se mexer apenas 10 segundos depois de ser colocado na competição. Assim que ele entrou na pista, ele bateu seu chifre em uma barreira.

De acordo com o veterinário que examinou o animal depois da tragédia, o colapso provavelmente foi desencadeado por essa pancada, que afetou seus nervos. Ou então pode ter sido por exaustão.

“De qualquer forma, nós queremos deixar claro que não há apresentações com touros que não implique em crueldade, mesmo que não derrame nenhum sangue,” lamenta Marta. “Esse animais sofrem desde o momento em que são tirados dos campos e colocados nas caixas, no escuro, em temperaturas extremamente altas, por horas.”

Acredita-se que cerca de 20 mil animais são explorados em touradas e eventos similares todo ano na Espanha.

FONTE: anda

4/28/2018

Podem os tribunais proibir touradas? Está aberto o debate em Portugal

É algo que choca nossa compreensão.... Como pode ser lícito alguém torturar um animal e depois matá-lo sob os auspícios do cidadão contribuidor de impostos? É difícil entender como Portugal ainda não descobriu uma saída para esta desgraceira que rola por lá....
-------------------
Ao considerar-se que os direitos humanos são um direito a um direito penal para invocarem as coisas injustificadas, defendem alguns. Mas diploma que diz que as corridas são lícitas contínuas em vigor.

Um ano depois de ter entrado em vigor, como acontece com o código Civil, as pessoas que são alvo de um estatuto de adquirem os direitos de natureza à luz, há quem defenda que está aberta a porta para proibir como touradas.

Controversa, foi defendida em meados de meados de julho de 2011, em uma missão de formação do Centro de Estudos Judiciários por Fernando Araújo, professor da Faculdade de Direito de Lisboa, com um vasto currículo em matéria de licenciamento de animais, e já tendo conseguido. Mas também é crítico, esta entre os juristas que se sentem dedicados a esta causa.

A sociedade de outrem europeus é uma lei que altera o Código Civil como os próprios seres vivos, bem como o seu estatuto de protecção jurídica. Trata-se de um documento próprio, um meio caminho entre os objectos e como coisas. O suficiente para Fernando Araújo defender que anular automaticamente uma norma inscrita numa lei de 1995 que exclui as corridas de touros dos maus tratos contra animais. “É evidente que o que é possível é que os espectadores estejam noivos de viver em dotados de sensibilidade. Todas as normas que se opõem a este são implícitas ou explicitamente revogadas ”, declarou o docente, que designou esta transformação como“ uma revolução do direito ”. As suas turmas existentes podem ser submetidas a uma acção de formação que pode não ser vista no Centro de Estudos Judiciários.

A "revolução" precisa, porém, de os juízes que nos tribunais tornarem-se um direito a espectadores tauromáquicos um caso com base nesta interpretação, touros aqui ou acolá.

Do lado oposto da barricada avança-se com um argumento de peso. “A lei está em vigor há um ano, durante o qual já se viveu em uma época tauromáquica com a importância de ser sonhada por país, e como associações anti-touradas não agiram. Não há maior demonstração de falácia em relação ao tipo de defesa, que é um exercício intenso de contorcionismo ”, observa Ricardo Pina Cabral, que nesta edição representa uma federação portuguesa de tauromaquia Protoiro. “O legislador não quis, com a sua alteração ao Código Civil, proibiu os espectadores tauromáquicos ou de arte equivalente a se expor a uma inconstitucionalidade, uma vez que o direito à cultura está consagrado na Constituição”, acrescenta, em ao PÚBLICO.

O cerne da questão parece estar na alínea a) do artigo 1305 do Código Civil, que diz que o direito de propriedade de um animal “não abrange a possibilidade de, sem motivo legítimo, inflingir dor, sofrimento ou quaisquer outros maus tratos que resultem em sofrimento injustificado, abandono ou morte”.

Como um outro dia de formação em um outro país, Paulo Mota Pinto, quer ser uma ideia de sentido legítimo de um indivíduo injustamente são os juristas designados por conceitos indeterminados, com um significado de poder competir às vezes em cada momento concreto, consoante os litígios que são são apresentados para dirimirem. “Se houver leis que liberam o licenciamento das touradas será difícil achar que não é a causa do sofrimento”, equacionou o mesmo docente. Mas, também, que os conceitos indeterminados constituem uma porta de entrada para a evolução das concepções sobre uma questão, por via da jurisprudência dos tribunais. Já Fernando Araújo apelou aos formandos para que “tenha coragem,

Nenhum dos professores universitários está disponível para falar com o PÚBLICO sobre este assunto. Já o juiz da Relação de Lisboa Carlos Marinho explicou o papel que cabia aos juízes na interpretação da lei: pescar em cada momento e em cada circunstância é o valor da tradição que prevalecia ou antes da protecção dos animais. “A lei não nos legitima a dar esse salto sem o crescimento da sociedade”, considera Carlos Marinho. Competirá, assim, aos juízos, na opinião de Paulo Mota Pinto num debate recente dedicado à natureza jurídica dos animais “dar expressão ao consenso social existente em cada momento”.

O primeiro "virá do Norte"
Partilhando as convicções de Fernando Araújo, a Provedora dos Animais de Lisboa, também jurista Marisa Quaresma dos Reis, antecipa-se a um quadro de um tribunal do Norte do país. , enquanto no Sul outro tribunal decide em sentido contrário.

Aí, caso existam recursos dessas deliberações, tenham os tribunais superiores a desempatar. “O primeiro herói entre os juízes virá do Norte”, antevê.

Ligado à plataforma anti-tauromáquica Basta, a sua antecessora no cargo, Inês Real, that is not that an integrated to movement in the United States of the United States como guiasse, vindo da doutrina. Poder agora à-lo-lo, invocando como teses de Fernando Araújo.

Não pode ser tão tão simples. Na Procuradoria-Geral da República, o procurador Raúl Farias discorda do professor universitário: “Teve que se concretizar uma realização de espectáculos tauromáquicos, o que constitui motivo legal / legítimo” para o sentido, salienta. E ainda é um processo: ainda que se entenda o contrário, “não se mostra-se atento a qualquer processo punitivo civil ou penal para o proprietário dos touros”.

Touradas são lícitas
O Conselho da Magistratura sobre os principais direitos dos animais, Carlos Castelo Branco, não faz sentido. No entanto, a presente declaração não é de qualquer outra importância para uma licença ou ilicitude das touradas, remete, remetendo para a tomada de decisão em 2002 da lei de 1995, que estabelece uma lícita a realização de touradas.

Também para o procurador Paulo Sepúlveda, que publicou recentemente um manual sobre os crimes contra os animais de companhia, apenas uma revogação sobre a lei anterior, abriu uma porta à proibição das corridas. Mesmo que o espectáculo tauromáquico consista "numa imposição de maus tratos ao touro como o cavalo, pode ser ferido pelo touro".

Só com a ação de primeiras ações no tribunal se irá saber para que lado penderá a justiça. No PAN, a jurista Cristina Rodrigues diz que “quando não pode haver uma lei diferente para cada zona do país”. E uma contabilidade que faz a lista de pessoas que dão causa a Partido-Animais-Natureza: “Dos 308 municípios existentes no país só 40 têm actividade tauromáquica.

FONTE: G1

4/03/2018

Nova praça de touros em Portugal está para ser construída. Vamos dizer NÃO!!!

Galera de Portugal, uma providência tem que ser tomada!!!! Enquanto, estamos lutando pelo fim das touradas um cara "já falecido", encontra eco em investidores orientais para terminar este troço podre e nojento!!!! Espero que os ativistas se apressem porque a obra vai começar..... Explode uma bomba lá, gente!!!!!
---------------
Praça de Touros em Samora Correia vê finalmente projeto aprovado
A cidade de Samora Correia verá em breve o início das obras da desejada Praça de Touros arrancarem, com a cerimónia de apresentação do projecto, que o TouroeOuro agora apresenta em rigoroso exclusivo.

A Praça de Touros ‘Sérgio Perrilhão’, figura emblemática do Ribatejo, e um dos maiores defensores e dinamizadores do projecto, que infelizmente já não se encontra entre nós, terá como principais impulsionadores um grupo de empresários orientais, que sendo entusiastas da festa brava, vão oferecer à cidade de Samora Correia, onde muitas das suas empresas se encontra sedeadas, uma Praça de Touros moderna e funcional, que irá também funcionar como espaço multiusos podendo receber diversas actividades culturais, musicais e desportivas.

O projecto agora apresentado é da autoria da arquitecta Rita Ochoa, que contou também com a colaboração do arquitecto, John Chamberlain, e dotará Samora Correia com um espaço multiusos com capacidade para cerca de 4.500 pessoas, com cobertura amovível e com as maiores comodidades para espectadores, artistas e animais. O espaço contará ainda com cinco lugares comerciais, que poderão ser utilizados para lojas de artigos regionais, uma delegação do Turismo do Alentejo e Ribatejo e espaços de restauração.

Neste projecto estão também inseridos a Junta de Freguesia de Samora Correia, a Câmara Municipal de Benavente e a Companhia das Lezírias, entidade estatal que terá também neste espaço, boxes para 10 a 12 cavalos, para que possa ministrar aulas de equitação e divulgar um dos produtos de maior destaque do Ribatejo, o cavalo Lusitano.

Os aficionados de Samora Correia podem agora sonhar com a data de inauguração do espaço, cujas obras se iniciarão ainda este ano, estando prevista a sua conclusão para Junho de 2021.





FONTE: touroeouro

1/13/2018

O brasileiro Carlos Santana conta história do touro contrário às touradas

Amo este touro.... Publicamos em julho/2017 sobre a estréia deste filme em Portugal. Confira: Ferdinando, o Touro e as suas mensagens anti-taurinas
-----------
O brasileiro, diretor da animação, trabalhou em outras produções de sucesso, como "Rio", "Robôs" e "A Era do Gelo".

Chega aos cinemas nesta quinta (11) o aguardado filme de animação "O Touro Ferdinando". A história conta o drama do simpático animal que dá nome ao longa.

De touro, ele só tem o tamanho e o jeito medonho. O seu comportamento em nada lembra o dos bichos que são atiçados nas cruéis touradas: Ferdinando é calmo, tranquilo e prefere curtir a natureza a brigar até mesmo com outros animais da fazenda onde mora.

Sua vida vai bem assim, até que cinco homens vão ao local para escolher o touro que será levado para as disputas de touradas em Madri, na Espanha. Por conta de sua aparência assustadora, Ferdinando acaba sendo o escolhido. E se separa da família que o criou, o que o faz sofrer muito.

A produção do filme teve sete anos de duração. "Começamos em 2010 e, nos últimos quatro anos, 'O Touro Ferdinando' se tornou meu projeto principal. O resultado de tanto trabalho foi um filme que toca o coração das pessoas, com uma história que tem emoção, mas também oferece diversão", conta o brasileiro Carlos Saldanha, diretor da animação do longa, que também trabalhou em outras produções de sucesso, como "Rio", "Robôs" e "A Era do Gelo".

Absolutamente contra as touradas, Ferdinando começa, então, a lutar para abandonar o mundo dessa prática cruel e conseguir voltar para casa. A animação foi baseada no livro "Ferdinando, o Touro", lançado em 1936 e escrito pelo americano Munro Leaf (1905-1976).

Além da questão das touradas, a obra trata da aceitação das diferenças. "A temática do bullying, cada vez mais forte na sociedade, foi aparecendo durante a produção. Ficamos impressionados em como calhou de o filme sair no momento em que essa questão é tão discutida", completa Saldanha.

AMOR AOS ANIMAIS - Principal lançamento desta quinta nos cinemas, o longa de animação "O Touro Ferdinando" trata de dois temas bastante discutidos atualmente: o respeito às diferenças e a relação entre humanos e animais.

Neste último caso, mais especificamente, fala da tourada, prática cruel em que, ao fim de cada rodada, o touro torturado que participa dela é morto.

"Isso já fazia parte do filme e a discussão desses pontos foi evoluindo de acordo com o que foi acontecendo com o mundo ao nosso redor", diz Carlos Saldanha, brasileiro responsável pela direção.

Para Henrique Machado, fundador do Projeto Anjinhos da Rua de Peruíbe, que trata animais abandonados, a prática da tourada deve acabar. "É um crime e uma covardia, que um dia ficará no passado. Matar um touro em praça pública e ainda se divertir com isso mostra o quanto o ser humano ainda precisa evoluir."

FONTE: diariodecuiaba

1/05/2018

Ponto para o touro colombiano

Eu adoro ver quando o touro faz um bom serviço com esta gente nojenta que devia procurar um namoradinho para se divertir ao invés de atormentar e judiar de animais..... Deus que me perdoe, mas, aplauso para o touro.... menos um capeta no pedaço..... tô errada, gente?
-------------
O homem que enfrentou um touro morreu durante o controverso festival colombiano de provocação de animais. Ele morreu depois de ser atropelado por um touro que estava provocando durante um festival controverso na Colômbia.

O vídeo mostra o momento em que o animal levanta furiosamente o homem em uma arena em Sincelejo, no departamento colombiano do norte de Sucre. O homem, chamado Jorge Barrios, estava participando do tradicional, mas controverso evento "corralejas", que celebra a luta de humanos contra touros.


Alguns participantes e espectadores horrorizados correram para ajudar Barrios e tentam arrastá-lo para longe da arena. No entanto, o homem que filmava irritantemente aponta a câmera para si mesmo e sorri enquanto fazia um gesto de garganta, sugerindo que a lesão é fatal.     

O Sr. Barrios foi levado  para o Hospital Universitário de Sincelejo, mas morreu pouco depois de seus ferimentos. É relatado que ele era um trabalhador da construção, com algumas pessoas alegando que ele estava bêbado quando se juntou à tourada.


Os festivais de Bull Baiting atraíram controvérsias importantes nos últimos anos. Os críticos afirmam que o esporte é coisa do passado e cruel com os animais, além de causar feridos a participantes humanos a cada ano. Os defensores, por outro lado, estão ansiosos para que continue.

Fonte: Daily Mail
Tradução livre do Google para "O Grito do Bicho"

12/11/2017

Ontinyent, uma cidade da Espanha, é uma triste exceção por ainda torturar animais

A matéria foi publicada na Coluna Opinião do Jornal Ontinyent Vilaweb e escrita por um morador desta cidade espanhola que ainda pratica tortura contra os animais. O texto é um protesto contundente sobre a barbárie....
---------------
Ontinyent é uma exceção, já que somos os únicos em que a festa do galo também é realizada. Anualmente, Ontinyent celebra as festividades em homenagem à Imaculada Conceição, famosa pela oferta, o 'Cant dels Angelets', a gastronomia (caçarola assada) e os bois, os bois que são vítimas de agressão psicológica (para a afluência e a pressão das pessoas, pelo estresse e medo que estão sujeitas), como físico, como pode ser visto em um dos vídeos que acompanham.


Essas imagens foram transmitidas pela televisão e foram vistas por pessoas de todas as idades, incluindo crianças. Queremos realmente que as crianças recebam uma educação arcaica de celebrações relacionadas à barbárie? Porque, o que é ensinado às crianças? Bem, maltratar um animal é divertido.

Em um dos vídeos, pode-se ver como um embolador coloca 3 pérolas consecutivas, desnecessárias e sem sentido, no nariz do animal indefeso, tê-lo amarrado e sem possibilidade de dano a qualquer um. A dor do touro é notada no vídeo após o último ataque. Seu rosto e seus olhos dizem tudo.

Enquanto alguns se divertem, há um touro que sofre. Um ser vivo que sente, temerário, um animal inocente que não entende o que acontece, que a única coisa que ele quer é fugir. Deve ser muito cego ou muito insensível para não perceber que o animal sofre.

Estamos convidando todos para refletir. Como dissemos repetidamente, não estamos contra a festa, mas contra o uso de animais abusados. E pensamos que, mais cedo do que mais tarde, deve terminar. Há uma multiplicidade de alternativas recreativas que não implicam no sofrimento de qualquer ser vivo.

Não temos facilidade, uma vez que a mídia, acima de tudo, nos deixa de lado, assim como a maior autoridade de Ontinyent, prefeito Jorge Rodríguez, que em quatro ocasiões pedimos - por registro - numa reunião, recebendo apenas o silêncio como uma resposta. Não entendemos isso.

Somos uma parte da sociedade ontinyentina, todos os dias mais numerosos, que tem vergonha de sua cidade nessas datas. Tudo aumenta a conscientização sobre o abuso de animais. Todos os meses há municípios que anunciam que deixam sua barbaridade e param de usar animais durante os feriados. Nesse sentido, Ontinyent é uma exceção, já que somos os únicos em que o festival do touro de galo também acontece nos últimos anos.

Tenho sorte de que, no século 21, as redes sociais nos permitam difundir nossa mensagem com mais facilidade. Por exemplo, um dos vídeos que enviamos na nossa página do Facebook atingiu mais de 100.000 pessoas e tem cerca de 40.000 visualizações, vinculando-se a lugares inesperados. Não gostamos da imagem que estamos transmitindo de Ontinyent, mas continuaremos a fazê-lo enquanto a crueldade continuar.

Perguntamos se é significativo no século 21, uma "festa" onde o objetivo é se divertir com um animal. Nós pensamos que não, e convidamos a sociedade ontinyentina a refletir.

Fonte: Vilaweb
Facebook do autor do texto: Cassola sense corda

11/15/2017

Flagrante explícito da crueldade que há nos rodeios

É de uma podridão esta meleca de rodeio que revolta qualquer cristão....  Os idiotas do Congresso dizer que isto é cultura e que é patrimônio imaterial de um povo dá vontade de vomitar na cara deles..... Esta cena é de um rodeio aqui no Brasil.... Reparem que 7 homens ficam em volta do brete e todos fazem alguma coisa com o animal que mesmo antes do peão nojentão puxar o sedém ele se desespera de dor....

Estes políticos que assinaram a PEC 50 que legalizou a crueldade contra os animais são uns canalhas!!!!

Fonte: LiveLeak

11/02/2017

Jovem touro não consegue nem ficar em pé para ser torturado por aprendizes de toureiro

Veja como um bezerro muito jovem é tratado por não querer ficar em pé em uma arena de treinamento. Ele parece estar sem saber o que fazer e sem força, talvez, por falta de alimentação.  Os homens incapazes de compaixão ainda tentam forçar o pobre animal a ficar de pé para ser torturado por toureiros iniciantes. Como o animal se nega é arrastado e jogado como lixo em um containere para depois ser assassinados por estes carrascos. Tanta tortura por um show doentio onde os animais são apenas vítimas da ganância e ignorância. Assinem as PETIÇÕES para ajudar a parar com estas barbaridades em outros países:


https://www.change.org/p/ms-pam-inman-national-tour-association-nta-do-not-promote-the-bullfight/nftexp/ex15/v5/1365672

https://www.change.org/p/manuel-velasco-coello-que-se-derrumbe-la-plaza-de-toros-la-coleta-en-san-cristobal-chiapas-m%C3%A9xico?recruiter=75897621&utm_source=share_petition&utm_medium=copylink&utm_campaign=share_petition&utm_term=share_page.share_redirect-control

https://www.change.org/p/pr%C3%A9sident-du-parlement-europ%C3%A9en-stop-corrida-stop-specisme-la-torture-n-est-pas-une-culture/nftexp/ex5/v2/172133624

http://www.thepetitionsite.com/845/807/020/demand-the-french-government-bans-the-barbaric-sport-of-bullfighting/

https://www.change.org/p/miguel-angel-yunes-linares-por-una-cultura-de-paz-yo-exijo-la-abolici%C3%B3n-de-las-corridas-de-toros-en-veracruz-m%C3%A9x?recruiter=71370701&utm_source=share_petition&utm_medium=facebook&utm_campaign=autopublish

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪