RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador tortura. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador tortura. Mostrar todas as postagens

12/08/2018

Em vídeo, gato é agredido por homem até a morte na Paraíba

Estou perto do outro lado da vida e por isso fico pensando se por lá verei este tipo de coisa, afinal, dizem por aí que o homem foi feito à semelhança de Deus...... """""Cruzis credis""""""... tô lascada... Veja que ser nojento e podre.... e esta "criancinha" filmando, com certeza, é filho do Demo, sem dúvida....
----------------
Após um cachorro ter sido morto em um supermercado de Osasco (SP), um novo registro de agressão a animais está causando polêmica na internet. Desta vez, o caso aconteceu na Paraíba, na cidade de Itabaiana, agreste do estado. Embora não tenha data, o episódio de

10/12/2018

Os “gritos de dor” de uma novilha “torturada” merecem nossa mobilização

Meu Deus, eu não posso acreditar que o senhor ache isto certo.... por que criou humanos tão cruéis? Não dá para acreditar que tamanha crueldade exista explicitamente em pleno século XXI em um país considerado do primeiro mundo.... Desculpe, mas, para radicalismo tem que se pagar na mesma moeda..... Eu tacava bombas nesta cambada de demônios sem dó nenhuma......

9/26/2018

Santuário para chimpanzés torturados em experimentos pode fechar na Áustria

O que fazer, meu Deus? só você tem a solução.... dá uma força à quem pode resolver.....
-------------
Gänserndorf (Áustria), 18 set (EFE).- Susi, Helene e Anton são três chimpanzés capturados em Serra Leoa nos anos 80 e que passaram muito tempo nas pequenas jaulas de uma empresa farmacêutica alemã que os torturou com experiências científicas, até serem libertados em 1997 e enviados a um santuário nos arredores de Viena (Áustria).

7/23/2018

Sucateiro tortura e enforca cadela que o mordeu em Carmo do Paranaíba

Lei meleca é esta que temos!!!!! o infeliz filho do demo é liberado depois de praticar tamanha barbárie... Ele merecia que fizessem com ele a mesma coisa, né não?
--------------------
Suspeito de 24 anos foi identificado pelas imagens de câmeras de segurança de uma casa e foi preso em flagrante; depois de ser ouvido, ele foi liberado

Um catador de sucata “raptou” uma cadela,

6/13/2018

TORTURA: Aldeões indianos treinam leoa para receber guloseimas como um cachorro

Minha Santa dos Cotocos, me ajuda pegar um desgraçado como este! Quero fazer justiça com minhas próprias mãos..... Olha o que ele faz com o pobre frango..... Quem diz que indiano adora animais está de porre!!!! Existe muito exploração, tortura e maus-tratos de animais na Índia .
==========
Autoridades florestais indianas prenderam sete homens por realizarem shows ilegais de leões, onde uma leoa de três anos foi treinada para receber guloseimas como um cachorro.  Um dos acusados ​​teria supostamente visto a leoa em sua fazenda em Gir-Gadhada, Gujarat, quando ela era um filhote e conseguiu treiná-la. 

Uma das performances ilegais do leão mostra-o entreter um convidado pendurando uma galinha diante da leoa. Ele insulta o animal segurando o pássaro enquanto saliva.  Uma mulher ao fundo os adverte a não provocar o animal dizendo que ela pode atacar. Mas o homem diz que não tem medo. Finalmente, ele joga o frango e a leoa o pega. O conservador chefe de florestas e vida selvagem, DT Vasavada, disse: “O leão não os está atacando, pois ela está acostumada a conseguir comida assim. "Também mostra que tal atividade é rotineira para eles". 

O vídeo foi encontrado nos telefones celulares dos homens, que foram presos em 19 de maio. Tornou-se público em 6 de junho. O especialista em leões Mayank Bhatt disse: “Conduzir shows ilegais de leões para entreter turistas é um negócio próspero na área. Os leões oferecem encontros próximos com os leões e os turistas caem em desatenção ao risco". A área florestal de Gir em Gujarat é a única casa remanescente dos leões asiáticos, cujo número é de apenas 650 indivíduos selvagens de acordo com um censo de 2015.

5/09/2018

SOFRIMENTO: Vídeo de cabras torturadas leva gigantes da moda a abandonar lã mohair

Redes de fast fashion Gap, Zara, H&M e Topshop se comprometeram a parar de usar a fibra até 2020. Agora me diz uma coisa: tamanha crueldade só vai acabar em 2020? até lá danem-se os animais? Minha Santa dos Imbecis, esvazia a titica da cabeça desta gente.....
--------------
Gigantes da indústria têxtil como Gap, Zara, H&M e Topshop anunciaram que irão renunciar à lã mohair depois da difusão de um vídeo que mostra cabras aos berros enquanto tosquiadas para a retirada da lã. O vídeo foi publicado na internet pela ONG Peta (People for the Ethical Treatment of Animals, ou Pessoas pelo tratamento ético de animais, em tradução livre).

A organização de defesa dos animais afirma que o vídeo foi “gravado por uma testemunha” e “contém imagens feitas em janeiro e fevereiro deste ano em doze fazendas diferentes” da África do Sul, de onde provém mais da metade da lã mohair vendida no mundo. A ONG pediu às autoridades do país que abram uma investigação.

Nas imagens pode-se ver cabras angorá, cuja lã serve para confeccionar suéteres, cachecóis e cobertores, sendo arrastadas pelos chifres ou pelas patas, levantadas pelo rabo e jogadas no chão pelos tosquiadores.


Este vídeo “incitou muitas empresas internacionais de moda, entre elas os grupos H&M, Gap Inc., Inditex e Arcadia, a estabelecer uma proibição sobre a venda de mohair”, indicou a Peta em comunicado. Contactados, porta-vozes desses quatro grupos confirmaram que se comprometeram a parar de usar esta fibra até 2020.

A H&M detalhou que usava esta lã em suas coleções em proporções ínfimas (0,044% das fibras). Seu adversário espanhol (Zara, Pull&Bear, Massimo Dutti, Bershka, Stradivarius, Oysho, Zara home, Uterqüe) declarou que a matéria representa “um número reduzido de produtos”.

“Nenhum padrão crível permite atualmente dar uma informação transparente e controlável da produção de mohair”, afirmou um porta-voz da H&M, acrescentando que o grupo busca “fibras alternativas”.

“A Inditex deplora as práticas cruéis nas fazendas de mohair sul-africanas reveladas pela Peta”, declarou o grupo espanhol, embora tenha afirmado não contar com “provas da existência de feitos parecidos aos denunciados pela Peta nos centros pecuaristas nos quais abastecem seus provedores”.

A Gap assinalou “levar muito a sério a questão do bem-estar animal” e indicou que a proibição da mohair afetava suas marcas Athleta, Banana Republic, Gap e Old Navy.

O grupo britânico Arcadia (Tophsop, Topman, Burton Menswear, Dorothy Perkins, Evans, Miss Selfridge, Outfit Kids, Wallis) também confirmou medidas similares e expressou sua “preocupação com o vídeo obtido pela Peta”.

FONTE: veja

5/02/2018

DESABAFO: A emocionante carta de um homem ao "assassino" que lhe matou os cães

Mas é para ficar revoltado mesmo.... Tomara que ele mesmo ache o assassino e faça justiça..... Agora, vejam porque aconteceu o fato: deixavam os animais "passearem" a vontade..... Bicho meu é debaixo das minhas asas.... eu, hein.....
------------
É numa longa publicação no Facebook que Luciano Pérez denuncia o "assassino sem escrúpulos" que matou os seus quatro cães, em Alicante, Espanha. O homem oferece uma recompensa a quem encontrar o responsável pela morte dos animais.

Linda, Tina, Dana e Dumbo eram os fieis companheiros de Luciano. Os animais foram encontrados sem vida, num pequeno lago com sinais visíveis de tortura. Tudo terá acontecido durante as festividades da Semana Santa, avança o "Diario de MaIIorca". Um dos animais estava mesmo esquartejado e os donos apenas encontraram algumas partes do corpo.

O caso foi descoberto quando os donos dos animais estranharam o facto de os cães não terem regressado do passeio diário e foram procurá-los. Quando chegaram perto da lagoa - que fica dentro da sua propriedade - encontraram os animais, já sem vida e a flutuar. O homem comunicou o incidente às autoridades, que já abriram uma investigação, e no Facebook escreveu uma carta em que explica que recompensará em três mil euros quem ajudar a identificar o autor dos crimes A soma pode dobrar até aos seis mil euros se conseguirem prender o responsável.

Carta com milhares de partilhas nas redes sociais
A carta emocionada e cheia de raiva escrita por Luciano mereceu, desde logo, grande atenção nas redes sociais. São mais 700 partilhas e 200 comentários, no texto intitulado "Carta a um assassino de cães.
"Perdi os cães dos meus olhos. Agora, quando acordo de manhã, já não os vejo a dormir. Já não me vão acordar às três da manhã para os levar a fazer xixi ou a beber água", escreveu Luciano. Sinto muito a falta deles. Eles iam tomar conta de mim e ficar aqui até eu ser velhinho. Os meus olhos continuam a procurar por eles e o meu coração está destroçado. Não consegui fazer nada", disse.

FONTE: jn.pt

3/25/2018

Javalis são trucidados por cães graças a psicopatas no Vietnã. Aqui no Brasil não é diferente.

Gente, a denúncia que fazemos desde 2010 quando conseguimos a suspensão da caça dos javalis, era por causa disto. Infelizmente, em 2013 os malditos caçadores conseguiram retornar com a caça e, então, os "espetáculos" como este abaixo voltaram a acontecer aqui no nosso país. Estes malditos caçadores psicopatas publicam vídeos idênticos a este e, pior que tudo, sob os auspícios do governo. Tenho pavor, gente, do Bolsonaro ganhar pois ele prometeu liberar a caça esportiva e aí isto vai acontecer com tudo que é bicho, sem contar com o sofrimento dos cães feridos e abandonados nas matas, como já publicamos aqui várias vezes. 
------------
Luta de morte "bárbara" entre cães de caça e um javali no Vietnã
O jogo da morte realizado perto de Hanói, no Vietnã, foi anunciado nas mídias sociais  
Centenas de espectadores assistiram para incentivar os cães em seu ataque vicioso 
Essas imagens bárbaras mostram cães atacando um javali durante um jogo de morte segundo a polícia, que contou com centenas de espectadores. Os policiais estão procurando os organizadores que colocaram um grupo de mastins contra o animal selvagem em um campo perto de Hanói, no Vietnã, enquanto filmavam tamanha crueldade para os fãs online.

A briga horrível foi filmada por uma testemunha que capturou as imagens dos espectadores que encorajavam os cães a rasgar o javali. Assim que o javali é solto de uma pequena gaiola, os donos do cão os soltam das coleiras. Os mastins selvagens imediatamente se apressam a atacar o javali, que grita de dor e surpresa.

Dezenas de pessoas são vistas perseguindo a ação, incitando os cães a uma violência cada vez maior.
Os mastins levam o javali para  uma vala, onde é ouvido guinchando e bufando em agonia. Eles são instigados a matar o animal naquele local.

O especialista em animais Vu Ngoc Thanh foi citado na mídia local por ter considerado o evento como "bárbaro e incivilizado". Ele acrescentou: "Onde está a humanidade nisso?" . O diretor de bem-estar animal da Animals Asia, Nguyen Tam Thanh, concordou que tais lutas encenadas entre animais não deveriam ser vistas em um país civilizado. Ele advertiu: "Isso é abuso intencional de animais, e se este caso for negligenciado, certamente criará um precedente para casos futuros".

Apesar do vídeo mostrando uma grande multidão reunida para assistir à luta, a polícia disse que ela foi organizada espontaneamente. Mas  que estariam tentando encontrar as pessoas responsáveis. O senso público no Vietnã parece estar se afastando da crueldade contra os animais como entretenimento incluindo as tradicionais lutas de búfalos agora fortemente combatidas pelos ativistas dos direitos dos animais.

Fonte: Daily Mail

3/14/2018

Terrorismo com um gato


O idiota que publicou o vídeo (provavelmente o autor das imagens) tratou de se defender com a proteção animal. E eu pergunto: adianta, seu nojento imundo?
----------------
Tratamento de choque para eliminar o medo de um gato, e antes que os defensores dos animais me ofendam "Eu quero dizer que eu não concordo com maus tratos de animais".

Fonte: LiveLeak

3/07/2018

Campanha PETA: Dolce e Gabbana vendem pele de coelhos torturados. PARTICIPE.

Como sempre falo, assinar é  mínimo que podemos fazer para ajudar à estas ONGs a acabar com a crueldade contra os animais. Portanto, NÃO SE OMITA, por favor!!!!! em 1 minuto você pode ajudar a salvar um pobre animal!!!! 
-------------
Os ativistas do grupo francês de direitos dos animais, L214, entraram recentemente nas fazendas "Orylag rabbit" e documentou as fileiras de gaiolas que confinavam centenas de coelhos que tinham apenas pisos sujos para ficar em pé e que nunca conseguiram respirar ar fresco ou ver a luz do dia.

Nunca ouvi falar de um "coelho Orylag" antes? Isso é provavelmente porque a raça foi inventada por seres humanos . Por quê? Para criar animais com pêlos macios e densos - e depois matá-los por isso. Os coelhos conhecem apenas a escuridão e a dor dentro de suas prisões minúsculas e decrépitas, onde foram deixadas por meses sofrendo feridas, desidratação, desnutrição e outras lesões e doenças.

Um em cada quatro coelhos morrem antes de serem agendados para serem mortos. Aqueles que sobreviveram são enviados para um abatedouro, pendurados pelas patas e então os trabalhadores cortam suas gargantas para drenarem o sangue dos seus corpos que se debatem nas engrenagens do abatedouro. Centenas de coelhos são mortos a cada hora no abatedouro visitado pelas testemunhas oculares L214.

A boa notícia é que centenas de designers progressivos e varejistas, incluindo Gucci, Michael Kors, Bottega Veneta, Ralph Lauren e Giorgio Armani, agora são 100% sem peles e usam alternativas luxuosas de peles sintéticas que não prejudicam animais. Mas Dolce e Gabbana se recusa a deixar de lucrar com essa miséria. Diga a Dolce e Gabbana para soltar o Orylag e vender apenas peles sintéticas.

Fonte: PETA

2/25/2018

Durante uma festa em casa, adolescente joga uma gatinha dentro de um forno ligado

Os jornais mais importantes publicaram esta matéria e todos os seus leitores reagiram de forma indignada com tamanha crueldade: Mirror, The Sun, Metro e Daily Mail, entre outros. Infelizmente, não descobri notícias da gatinha porque o vídeo é cortado e não se sabe a consequência. Estamos publicando porque nosso blog é de defesa animal e por isto temos que registrar até onde chega a psicopatia destes criminosos. O vídeo é forte.
-----------
Investigadores criminais na Rússia estão investigando um vídeo horrível em que um aluno lança uma gatinha para um forno quente e abrasador. A tortura ocorreu durante uma festa adolescente em Krasnoyarsk, uma cidade na Sibéria.

O gato preto é jogado no forno 375C por um homem que foi identificado como Kirill Beryozin, de 18 anos, enquanto ele e outros riem e brincam. O abuso doentio foi filmado por um amigo  desconhecido e publicado nas mídias sociais de Beryozin.  No clipe, o cinegrafista pode ser ouvido dizendo que o forno é de 375 graus.

E parece que eles por não conseguiram o sofrimento satisfatório do animal indefeso, um segundo amigo diz: "Vamos fazer isso mais uma vez". O  cameraman diz a Beryozin que tirasse o gato do forno porque ele não podia ser visto no clipe, a gatinha é arrastada para fora e depois atirada de volta.
O cinegrama ri e diz: "Isso foi difícil - 375 graus! Você quebrou sua coluna vertebral". E à medida que o gato imóvel é retirado, a parte de trás de sua pele pode ser vista cinza do calor. A condição do gatinho após a tortura não é clara.

Mais tarde, uma das contas de Beryozin foi fechada, a outra foi excluída. O aluno mais tarde mudou seu nome de família online para Kalashnikov, mas depois excluiu essa conta também. Beryozin já havia publicado fotos online com seu gato.

Um porta-voz do Comitê de Investigação Russo, que examina crimes graves, disse: "Um vídeo foi postado na internet, onde os adolescentes na região de Krasnoyarsk estão torturando um gato durante uma festa de casa. Eles colocaram o animal em um forno quente. No momento, as circunstâncias deste incidente estão sendo investigadas. Uma decisão será tomada com base nos resultados dessas verificações".

Beryozin é um estudante que freqüenta o prestigiado Krasnoyarsk College of Radio Electronics e Tecnologia da Informação. O vídeo provocou uma reação furiosa nas mídias sociais. "Esses jovens estão absolutamente loucos, como se não fossem humanos ...", disse um espectador chocado.  "Ele obviamente está gostando, ele fica excitado quando está machucando o gato", reclamou outro.  Uma mulher perguntou: "É uma nova tendência entre os jovens torturar animais? Quase todos os dias eu encontro um novo caso".

A Rússia recentemente aumentou os prazos para a crueldade com os animais. Os indivíduos podem ser presos por até três anos. Se a tortura for infligida por um grupo, a pena é de até cinco anos.

Fonte: Todos os jornais citados acima

2/19/2018

VÍDEO: vizinhos flagram tortura a cachorro que é pendurado em árvore em Campo Grande

O cara é maluco? então, penaliza os parentes que deixaram o cachorro passar por tamanho sofrimento.... Só espero que o vizinho tenha ido socorrer o pobre animal, né?
------------
Polícia foi chamada e caso será investigado
Um cachorro foi vítima de maus-tratos, por volta das 14h desta terça-feira (13), no Jardim Canguru, região sul da Capital. As cenas de crueldade foram filmadas por vizinho do autor, que preferiu não ter a identidade divulgada, após ser comunicado por uma outra vizinha da residência, que ouviu o choro do animal.

As imagens foram feitas por cima do muro, quando ambos vizinhos foram verificar o que estava se passando para que o animal chorasse com tanta intensidade. Quando chegaram ao local, os vizinhos constataram que o animal estava suspenso por uma espécie de corrente.

Conforme o vizinho, o proprietário da residência, que seria supostamente o autor dos maus-tratos ao animal, mora sozinho no local e teria problemas psicológicos. Após o fato, conforme o denunciante, parentes dele foram à residência e levaram os animais que lá estavam.

Após verificarem a situação em que o animal se encontrava, os vizinhos comunicaram à Polícia Militar, que foi ao local e localizou o morador, levando-o, posteriormente, para prestar depoimento na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga.

Conforme a Decat (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista), local para onde o caso deve ser encaminhado nos próximos dias, após as partes envolvidas serem ouvidas, o inquérito será encaminhado ao Juizado Especial para as devidas providências.

Serviço
Denúncias sobre crimes ambientais, de lesão a turistas e maus- tratos a animais devem ser feitas na Decat, unidade especializada, pelo telefone (67) 3368-6144, que é 24 horas. A delegacia é localizada na Avenida Duque de Caxias, dentro do Aeroporto Internacional de Campo Grande.

Atenção cenas fortes: Devido ao nível de crueldade, a reportagem do Jornal Midiamax retirou algumas cenas do vídeo, onde o animal aparece se debatendo e agonizando.


FONTE: fatimanews

1/23/2018

Elefante se desespera durante tortura de participantes de festival...

Que horror!!!! parece a farra do boi com elefantes.... 
------------
O pânico desceu sobre um festival hindu no sul da Índia depois que um dos elefantes que participaram de uma procissão cerimonial  se enfureceu em 19 de janeiro. O elefante macho de 21 anos, Gouri Nandan, ficou furioso avançando na multidão e ferindo vários espectadores .

Um grupo de espectadores correu atrás do animal, tentando impedi-lo. Os oficiais, que estavam no local, atiraram em um tranquilizador no elefante. Dois sacerdotes, que haviam montado o elefante, ficaram em cima na maior parte do momento de fúria que durou quase duas horas agarrando-se um ao outro.

Os organizadores do festival trouxeram 15 elefantes para participar da procissão cerimonial no templo Maha Ganapathy em Kerala. O ativista dos direitos dos animais, Rajeev N Kurup, alegou que o elefante ficou furioso devido à tortura e ao excesso de esforço. "Os elefantes sofreram feridas sérias no peito

Fonte: LiveLeak

1/21/2018

Cães e gatos são achado mortos com sinais de tortura em Hortolândia (SP)

Jesus amado!!!!! A maior revolta é que as pessoas ouviam os animais gritando e não faziam nada.......
-----------
Sete cães e um gato foram encontrados mortos com sinais de tortura no quintal e nas imediações de uma casa abandonada no Jardim Amanda, em Hortolândia (a 109 km de São Paulo). O caso começou a ser investigado pela polícia nesta sexta-feira (19).

Um dos cachorros tinha um cabo de vassoura atravessado no corpo e alguns apresentavam queimaduras profundas, ossos expostos. Ao menos dois bichos jaziam dentro de uma mala misturada a entulho, segundo relatos obtidos pela reportagem com três pessoas que estiveram no local. Havia ainda cadáveres de animais jogados num bueiro perto da casa.

O suspeito é um andarilho que ainda não foi encontrado e que ocupava o imóvel havia cerca de um ano, de acordo com vizinhos. A residência foi descoberta no dia 12, mas a polícia começou a investigar o caso só nesta sexta.

"O cenário era de terror", descreve o vereador Eduardo Lippaus (PT), que acionou a polícia e o DPBEA (Departamento de Bem Estar Animal) da prefeitura após ter sido procurado pela UPI (União dos Protetores Independentes).

Segundo Lippaus, havia sinais de que o homem se alimentava da carne dos bichos. "Tinha espetos e faca de churrasco no local", disse. As três pessoas ouvidas pela reportagem suspeitam que há mais corpos enterrados na área, em decomposição.

A professora Amanda de Oliveira Bento, que também atua como protetora de animais e esteve no local, contou ter visto fogões improvisados com tijolos e fraldas (provavelmente usadas para facilitar a combustão). Ela encontrou ainda resquícios de penugem numa fogueira no quintal.

Segundo a professora, moradores já desconfiavam do homem. "Teve vizinho que falou que ouvia cachorro gritar, e sabe quando você abafa o som de uma hora pra outra? O que me deixou mais indignada foi o fato de as pessoas ouvirem isso e ninguém fazer nada".

A matança de animais foi descoberta na sexta passada (12) por uma vizinha do imóvel cujo cão havia sido furtado. Ela entrou na casa abandonada à procura do animal. O suspeito fugiu. Um cachorro, preso pela coleira, foi solto por ela e também fugiu. A mulher encontrou indícios do massacre e acionou pessoas ligadas à UPI.

A comerciante Adriana Ribeiro, 43, ligada à ONG, foi ao local e viu que a terra estava fofa. Desenterrou então um cão e começou a descobrir o cenário de carnificina no quintal. Alguns cães estavam sumindo na vizinhança, segundo Ribeiro, e a desconfiança é que o homem os levava para a casa.

Segundo o delegado Luis Antonio Loureiro Nista, a polícia começou a investigar o caso nesta sexta com base nas descrições de vizinhos. De acordo com testemunhas ouvidas pelos protetores de animais e pelo vereador, o suspeito vestia roupas com forte cheiro de carniça e usava sempre uma mochila, na qual supostamente transportava os bichos.

Se identificado, ele responderá por maus-tratos de animais (crime com pena de três meses a um ano de detenção). Como são várias vítimas, a pena pode ser multiplicada.

DIFICULDADE 
A comerciante Adriana Ribeiro conta que ligou para a Polícia Militar, para a Guarda Municipal e que tentou fazer boletim de ocorrência na Polícia Civil no mesmo dia em que os animais foram encontrados, sem sucesso.

A PM, diz ela, não apareceu. A Guarda disse que não poderia fazer nada e o DPBEA afirmou que só poderia ir ao local com a polícia. A Polícia Militar e agentes do DPBEA só foram ao local na segunda (15).

A Prefeitura de Hortolândia informou que este tipo de crime é caso de polícia e deve ser denunciado "às autoridades competentes". A SSP informou que a delegacia desconhece que testemunhas tenham comparecido anteriormente para registrar os fatos, mas que vai apurar o ocorrido. 

FONTE: folha.uol

1/11/2018

Agricultor marroquino tortura um cachorro por comer uma galinha



Respondam por favor: por que tem gente assim neste mundo? O maldito arquitetou ate a forma de torturar o pobre.... Fico questionando à Deus este tipo de coisa sendo Ele o Criador do céu e da terra...... fazer um ser desta natureza pra quê? mesmo a pessoa sendo ignorante não justifica tamanha crueldade. IMAGENS FORTES. Não veja se não tiver estomago... O lance aconteceu em Casablanca, Morrocos.
----------

Fonte: Liveleak

1/07/2018

Policial espanca cachorro até a morte durante três horas

Quem me explica como um policial leva 3 horas matando um cão em plena rua e ninguém faz nada? Gente, tem alguma coisa errada neste mundo!!!!! mesmo sendo na China onde tudo é possível, como assim??????
---------
Uma cena simplesmente chocante foi registrada em um vídeo amador que mostra um policial matando um cachorro a pauladas na cidade de Changsha, na China. As autoridades afirmam que a ação foi necessária porque o cachorro, que estava preso a uma barra de ferro, teria mordido duas pessoas que passavam pelo local.


Testemunhas relatam que o cachorro da raça golden retriever apanhou por longas três horas e a medida foi necessária porque a polícia teria dito que “não tinha tranquilizantes e esse foi o procedimento necessário para evitar que o animal espalhasse raiva”.

Ativistas dos direitos dos animais protestaram contra o tratamento cruel dado ao animal. No dia seguinte à morte, algumas pessoas colocaram flores e bichos de pelúcia.


Fonte: FolhaMax e Daily Mail

12/11/2017

Ontinyent, uma cidade da Espanha, é uma triste exceção por ainda torturar animais

A matéria foi publicada na Coluna Opinião do Jornal Ontinyent Vilaweb e escrita por um morador desta cidade espanhola que ainda pratica tortura contra os animais. O texto é um protesto contundente sobre a barbárie....
---------------
Ontinyent é uma exceção, já que somos os únicos em que a festa do galo também é realizada. Anualmente, Ontinyent celebra as festividades em homenagem à Imaculada Conceição, famosa pela oferta, o 'Cant dels Angelets', a gastronomia (caçarola assada) e os bois, os bois que são vítimas de agressão psicológica (para a afluência e a pressão das pessoas, pelo estresse e medo que estão sujeitas), como físico, como pode ser visto em um dos vídeos que acompanham.


Essas imagens foram transmitidas pela televisão e foram vistas por pessoas de todas as idades, incluindo crianças. Queremos realmente que as crianças recebam uma educação arcaica de celebrações relacionadas à barbárie? Porque, o que é ensinado às crianças? Bem, maltratar um animal é divertido.

Em um dos vídeos, pode-se ver como um embolador coloca 3 pérolas consecutivas, desnecessárias e sem sentido, no nariz do animal indefeso, tê-lo amarrado e sem possibilidade de dano a qualquer um. A dor do touro é notada no vídeo após o último ataque. Seu rosto e seus olhos dizem tudo.

Enquanto alguns se divertem, há um touro que sofre. Um ser vivo que sente, temerário, um animal inocente que não entende o que acontece, que a única coisa que ele quer é fugir. Deve ser muito cego ou muito insensível para não perceber que o animal sofre.

Estamos convidando todos para refletir. Como dissemos repetidamente, não estamos contra a festa, mas contra o uso de animais abusados. E pensamos que, mais cedo do que mais tarde, deve terminar. Há uma multiplicidade de alternativas recreativas que não implicam no sofrimento de qualquer ser vivo.

Não temos facilidade, uma vez que a mídia, acima de tudo, nos deixa de lado, assim como a maior autoridade de Ontinyent, prefeito Jorge Rodríguez, que em quatro ocasiões pedimos - por registro - numa reunião, recebendo apenas o silêncio como uma resposta. Não entendemos isso.

Somos uma parte da sociedade ontinyentina, todos os dias mais numerosos, que tem vergonha de sua cidade nessas datas. Tudo aumenta a conscientização sobre o abuso de animais. Todos os meses há municípios que anunciam que deixam sua barbaridade e param de usar animais durante os feriados. Nesse sentido, Ontinyent é uma exceção, já que somos os únicos em que o festival do touro de galo também acontece nos últimos anos.

Tenho sorte de que, no século 21, as redes sociais nos permitam difundir nossa mensagem com mais facilidade. Por exemplo, um dos vídeos que enviamos na nossa página do Facebook atingiu mais de 100.000 pessoas e tem cerca de 40.000 visualizações, vinculando-se a lugares inesperados. Não gostamos da imagem que estamos transmitindo de Ontinyent, mas continuaremos a fazê-lo enquanto a crueldade continuar.

Perguntamos se é significativo no século 21, uma "festa" onde o objetivo é se divertir com um animal. Nós pensamos que não, e convidamos a sociedade ontinyentina a refletir.

Fonte: Vilaweb
Facebook do autor do texto: Cassola sense corda

12/05/2017

Soldado tortura gato na porta do Clube dos Oficiais do Exército Turco

Fala sério, pelo amor de Deus!!!!!! como um "serumano" pode se comportar de forma tão covarde?
------------
As imagens tiradas na frente do Clube dos Oficiais do Exército da Erzincan explodiram nas mídias sociais ao máximo. No incidente refletido na câmera de segurança, a tortura inacreditável que um soldado fez com um pequeno gato provocou enorme reação. Taner H., supostamente
bêbado durante o episódio e depois de ter sido denunciado por cidadãos, foi detido e encaminhado ao judiciário hoje pela manhã.  

Depois que a violência se difundiu nas mídias sociais em um curto período de tempo, houve uma grande reação dos cidadãos erzinques. Muitas pessoas que assistiram o vídeo foram parar na frente dos alojamentos militares até altas horas da noite para saberem qual será a penalidade militar que o soldado receberá.  


O governador de Erzincan, Ali Arslantaş, fez uma declaração escrita sobre o assunto dizendo: "Foi entendido que ele havia bebido muito, mas, imediatamente exigimos a atuação da justiça".  

O ministro do Interior, Süleyman Soylu, também fez uma declaração no Twitter. Soylu, que primeiro compartilhou a mensagem disse: "Imediatamente dei ordem para o caso ser investigado e quero que saibam que estou bastante interessado na investigação judicial e administrativa".  

De Istambul, o deputado Sezgin Tanrıkulu, respondeu ao primeiro-ministro Binali Yildirim à presidência do Parlamento sobre a questão.  "Quando as penalidades na Lei de Proteção dos Animais 5199, que são inadequadas e disfuncionais na prevenção de crimes contra animais, serão organizadas para satisfazer a consciência pública?  

Fonte: Hurriyet
Tradução livre do Google para "O Grito do Bicho"


Imagens impactantes mostram elefantes sendo brutalizados na Índia

Este turismo covarde tem que acabar..... é muita crueldade com o pobre animal!!!! depois dizem que os animais são sagrados na Índia.... ah tá... dá p´ra ver bem... ô nojo!!!!
------------ 
Imagens revoltantes mostram um elefante brutalmente espancado por seus captores indianos que trabalham no comércio do turismo. O mamífero dócil pode ser visto com
uma das suas patas dianteiras amarradas a uma árvore, enquanto três homens se desdobram em turnos para vencê-lo com bastões chegando a quebrar uma das patas traseiras.


Tendo tomado uma série de golpes, o elefante colapsa no chão, mas não dissuade os atormentadores que continuam a atacar o animal até que suas armas se encaixem nas dobras de seu corpo. A paliza é uma prática regular na Índia, com os detentores de elefantes impingindo sofrimento aos animais que estão saindo da estação de acasalamento para lembrá-los de quem está no comando.  

Três bandidos indianos podem ser vistos sobre o elefante colapsado depois que 
eles quebraram a sua pata 

O elefante tenta chegar aos pés (à esquerda), mas seu captor (direito) 
garante que não pode se levantar

Dois homens com varas golpearam cruelmente o elefante indefeso. 
Foi batido tão forte que os bastões dos homens se quebram em dois


O escandaloso brutalismo filmado na Índia por um partidário disfarçado do STAE disse que o procedimento é outra variação de tortura chamada ketti azhikkal, que pretende lembrar ao elefante depois de sair do período de acasalamento - onde a testosterona é muito alta - da dominação humana. 

O elefante foi espancado tão cruelmente que a perna estava quebrada, assim como todas as varas utilizadas na batida. Toda a humanidade fica envergonhada por essa depravação contra uma criatura inocente e uma espécie altamente ameaçada de extinção. 

O vídeo foi compartilhado on-line, o que levou dezenas de pessoas a se manifestar perante ao governo indiano diante de tamanha brutalidade contra um ser inocente e tão explorado. 

Fonte: Daily Mail

11/30/2017

Homem admitiu torturar gatos com água fervente Japão

Tenho certeza que ele será punido devidamente com trabalho forçado como é praxe no Japão.... Muita covardia o que fez com os animais....
-----------
O homem de 52 anos foi indiciado por torturar 13 gatos no período de março de 2016 a abril de 2017 na província de Saitama.


Um ex-contador que foi preso em agosto sob suspeita de crueldade contra animais admitiu o ato durante a primeira audiência de seu julgamento no Tribunal Distrital de Tóquio em 28 de novembro.

Makoto Oya, de 52 anos, foi indiciado por acusações de violação da lei relacionada ao Bem-Estar e Gestão de Animais por torturar 13 gatos no período de março de 2016 a abril de 2017 na província de Saitama. Ele teria despejado água quente nos animais ou os queimado usando um maçarico, causando a morte de nove gatos e deixando outros quatro feridos.

A acusação pediu uma sentença de um ano e dez meses de prisão com trabalho forçado, enquanto seus advogados pediram uma pena suspensa. O juiz Yasunobo Hosoya vai transmitir sua decisão em 12 dezembro.

Crueldade contra os felinos postada na internet
Na audiência, Oya explicou: “em abril de 2015 havia estragos causados por urina e fezes de gatos perto da minha casa e os peixes que eu criava também foram mortos, então eu comecei a capturar os gatos e os soltava bem longe dali”. Ele contou que começou a sentir ódio dos felinos após ele ter sido mordido por um em fevereiro de 2016.

Após assistir a vídeos online mostrando abuso contra gatos, Oya disse que começou a filmar os atos de crueldade e postá-los na internet também. Como usuários começaram a pedir que ele “fizesse mais”, ele sentiu que “havia pouca resistência e postar os vídeos se tornou o propósito” dos abusos.

Os argumentos finais da acusação destacaram que Oya “encontrou prazer em atormentar os gatos”, conduzindo a um crime terrível. Nos argumentos finais no lado de Oya, seus advogados disseram que após perder seu emprego e condição social na sequência de sua prisão, ele está refletindo sobre suas ações.

Muitos amantes de gatos se juntaram na galeria para audiência, incluindo a atriz Aya Sugimoto. “Gostaria que ele fosse punido severamente para que coisas como essa não voltem a acontecer”, disse Sugimoto após a conclusão da audiência.

FONTE: portalmie

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪