RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador mortos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador mortos. Mostrar todas as postagens

11/07/2018

Jumentos que iam para abate são achados mortos em estrada na Bahia

Gente, esta crueldade que está sendo praticada contra os jumentos no Norte de Nordeste do país precisa ter um fim. Este matadouro maldito de jumentos na Bahia é uma vergonha, já foi interditado duas vezes e os bichos são super maltratados por uma empresa chinesa...... Foi criado um projeto chamado PROJETO BÁSICO PARA CRIAÇÃO DE SANTUÁRIOS PARA JUMENTOS E CAVALOS e as autoras estão procurando áreas para instalarem o

8/18/2018

Morte de 350 animais em 10 dias intriga biólogos no litoral de SP

Minha Santa, ó pai ó.... palpite? redes de pescadores..... a conferir com o tempo....
-------------
Fenômeno intriga pesquisadores, que analisam as causas da mortandade desses espécimes, principalmente pinguins e tartarugas.
O número de animais marinhos encontrados mortos nas praias do litoral de São Paulo passou de 350 apenas no

6/23/2018

ANIMAIS MARINHOS: Tartarugas e golfinhos atingidos por embarcações chegam mortos na praia

Mortos pela displicência humana com a vida animal..... O cenário é muito triste.....
------------------
Parece que mais de 150 tartarugas põem ovos numa praia, mas realidade é de fato bem triste
Mais de 150 tartarugas-oliva e um golfinho foram misteriosamente despejados pelo oceano na areia frios e imóveis. Embora nenhuma razão oficial tenha sido confirmada, existem algumas teorias sobre o que poderia ter vitimado essas lindas criaturas que habitam o oceano.

Sarat Chandra Behera, um funcionário florestal de Puri-Balukhand, disse ao Indian Express que “nós suspeitamos que as tartarugas foram mortas ao serem atingidas por traineiras de pesca no mar”. Banhistas horrorizados estremeciam com a cena grotesca que cobriu uma longa extensão da praia normalmente populosa. Algumas das tartarugas ainda estão na costa rasa, esperando para serem arrastadas para a parte mais seca da praia.

Na verdade, este é um dia que deve ser lembrado, um ato de possível crueldade ou acidental de alguns seres humanos terminou a vida desses seres. Em lembrança deste dia, e como um lembrete e um apelo para que as pessoas assumam a responsabilidade de defender a segurança da vida animal, o artista Sudarshan Patnaik criou esculturas de areia na praia. Ele transformou a tragédia deste episódio numa obra de arte notável. “Hoje, eu encontrei centenas de tartarugas mortas na praia, e fiquei triste ao ver um número tão grande de tartarugas mortas”, disse ele.

Fonte: Epochtimes

5/16/2018

TRANSPORTE TERRESTRE: Piranhas em Altamira comem mais de 30 toneladas de bois acidentados

Não bastasse a tragédia do acidente, os bois foram devorados vivos por piranhas do Rio Xingu. Agora me diz uma coisa: por que a matéria não falou em nenhum momento do sofrimento pelo qual passaram os animais? tem jornalista muito insensível....
---------------
Pescador Zezinho do Pedral, de Altamira, entrou em contato com a fanpage Novo Pará para informar que nunca antes tinha visto tanto vuco-vuco nas águas do Rio Xingu. Segundo ele, piranhas e traíras fizeram a maior reunião aquática daquelas águas nas últimas 24 horas para tentarem dar cabo das cerca de 30 toneladas de carne fresca que naufragaram nas águas escuras do caudaloso rio que corta o coração da Amazônia paraense.

Na última quarta-feira (9), uma balsa que carregava bois vivos e material de construção a uma fazenda afundou e os animais morreram. Os tripulantes da embarcação sobreviveram. Restos dos animais foram levados pelas águas. Às margens do Rio Xingu se formou um cemitério de carniça, de cujo velório participaram peixes carnívoros e detritívoros, além de aves carniceiras.

No auge de seus 66 anos, Zezinho revela que seu sonho é ver tombar uma “carrada” de políticos mentirosos do Pará e do Brasil e assistir, de seu barquinho, ao panavoeiro que seria dos elementos tentando se esquivar das piranhas. “É nessa hora que queria ver se eles seriam eficientes, também, para desviar das piranhas como desviam com facilidade as verbas de educação, saúde, saneamento básico, infraestrutura”, exprime o barqueiro, observando, por outro lado, que do jeito como as coisas são no Brasil, “é capaz até de as piranhas serem roubadas, como se fossem recursos públicos, eu não duvido”.

Desanimado com tanta corrupção no Pará e no Brasil, Zezinho segue navegando rio acima, à espera de dias melhores. Ele não acredita em mudanças a partir de outubro. “Você vai ver: sai um ruim e, muito certamente, entra um do mesmo nível ou pior”, lamenta, garantindo que é melhor acreditar em história de pescador do que nas falácias dos politiqueiros cheios de lambança que só se lembram do povo paraense na época da eleição. “Tudo farinha do mesmo saco e nem as piranhas merecem”, encerra o experiente pescador, que conhece bem as lambanças de traíras. (Redação Novo Pará | Fotos: Divulgação / Marinha do Brasil)


FONTE: portalcanaa

4/08/2018

Maldade: Mais de 20 cachorros já foram mortos envenenados em Ibicuitinga

Meu Jesus amado, o que podemos fazer com uma criatura tão má? Nosso Pai criou pessoas deste calibre porque? eu só queria entender..... juro....
-----------------
Região Central: A Polícia Civil deverá investigar a matança de vários cachorros por envenenamento. O caso tem ocorrido com frequência na cidade de Ibicuitinga, com os restos mortais estão sendo jogados em terrenos baldios nos arredores da cidade. Também houve registro da morte de gatos.

Alguns moradores procuraram o site Sertão Informa para denunciar a situação e alegou que os animais estão sendo mortos com chumbinho, um veneno que tem a venda proibida, mas que segundo eles é vendido normalmente na cidade.

Segundo informações, já foram mais de 20 cachorros mortos nos últimos dias, principalmente nas Ruas Egídio Nobre, Populares, Samuel Ferreira Nobre, Manoel Vicente e Rua José Rodrigues. Locais que já registraram mortes de cachorros por envenenamento.

Não é a primeira vez que animais são mortos por envenenamento em Ibicuitinga. Em outras ocasiões já foi denunciado esse ato cruel com os animais.

FONTE: revistacentral

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪