RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador matar. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador matar. Mostrar todas as postagens

10/11/2018

Condenação histórica para homem que maltratou dezenas de animais

Como é bom ver crimes contra animais serem punidos como deveria nos EUA. Bem, estes exemplos Bolsonaro parece não querer seguir.... Jesus nos acuda!!!!!!
---------------------
Os 15 anos de prisão por maus-tratos a animais constituem uma condenação histórica. Autor foi dado como culpado de mais de 200 crimes de crueldade contra animais.

9/22/2018

Caça a uma tigresa que mata seres humanos

Agora, vejam só: uma população indiana que cresce estupidamente rápida nesta cidade, rouba o espaço dos animais e querem matá-los até acabar com todos...... Quando digo, o maior problema que temos é a super população humana que está levando a humanidade a nivelar tudo por muito baixo, sem nenhuma preocupação com o futuro da nossa própria espécie....... Deus meu, me leva antes de ter que ver estes tigres

9/21/2018

Prefeita se vinga e mata jacaré que havia comido o seu pônei

Se o jacaré comeu o pônei (não houve prova) o fez por instinto... Já a desgraçada mulher, matou o bicho por vingança e ainda chamou uma autoridade para fazer um "abate ético".... Vai pros quintos dos infernos...... 
-----------------
A vingança vem a cavalo. Ou a pônei. O variação do dito popular define bem uma história acontecida em uma fazenda perto

Homem esfaqueia a mãe grávida, mata cachorro da família e come o coração do animal

Este bandido está fazendo o que neste mundo? crueldade contra os animais? tem que ir rezar com o capeta......
-----------------------
Um jovem de 22 anos esfaqueou a mãe, que está grávida, matou um cachorro da família e, em seguida, comeu o coração do animal. As cenas de violência causaram revolta aos moradores da comunidade Sítio Tabocas, na zona rural

8/22/2018

Mulher é presa em Roteiro após matar o próprio cachorro e beber sangue do animal

Esta infeliz no máximo vai fazer serviço comunitário se não estiver bêbada..... Imagina o que o pobre cachorro sofreu nas mãos desta maluca bêbada..... Diz aí: o mundo precisa de uma cachaceira desta?
----------------
Uma mulher de 53 anos foi presa no município de Roteiro, região Sul de Alagoas, nesta terça-feira (14), após matar o próprio cachorro e admitir ter bebido o sangue do animal. A informação foi confirmada pelo delegado de São Miguel dos Campos, João Marcello

8/06/2018

Dona de canil clandestino mata cachorro ao ser descoberta pela polícia

Minha Nossa, como a mulher conseguiu esganar o cachorro com tanta gente por perto? Eu daria uma paulada na cabeça dela e pronto. Será que os policiais ficaram com medo dela? devia estar possuída, mas, não há capeta que resista a um tiro no pé ou uma paulada..... Coitadinho do bicho.....
--------------
Por meio de uma denúncia anônima,

7/28/2018

Homem é suspeito de matar cachorro com golpes de foice na frente da dona, na PB

Olha que absurdo! isto se chama prevaricação deste delgado.... O G1 tentou falar com ele e foi ignorado. Gente, cabe uma denúncia a Ouvidoria da Polícia Civil da Paraíba.... Que horror!!!!!
---------------
Caso aconteceu em Uiraúna e dona de animal diz que delegado se recusou a fornecer via de BO.
Um homem foi denunciado por ter matado um cachorro com golpes de foice, na

7/13/2018

Você soube que mataram um rinoceronte para roubar menos de 1 cm de chifre?

Estas criaturas são filhos de um Deus mau...... Não é possível que ambição faça um "serumano" cometer tamanho CRIME.... é nojento demais e não sei onde anda Deus pra não ver isto.... Como podemos não ficar revoltados?
--------------
Há alguns dias, nós do Mega Curioso

7/03/2018

CRUELDADE: homem mata cachorro com enxada, filma a ação e provoca revolta

Ver estes casos me deixa tonta da cabeça.... A vontade é de cobrir o camarada de tabefes até ele cantar babalu em grego!!!! Infeliz dos infernos!!!!!
-------------------
Aos gritos de “morre, desgraça”, o rapaz agrediu o animal e publicou as cenas. Polícia Ambiental recebeu denúncia e vai remetê-la ao MPDFT

Um vídeo circulando no WhatsApp mostra a morte de um cachorro de forma brutal. Com uma enxada, um rapaz desfere golpes contra o animal, que está deitado no chão. Ele registrou os diversos ataques à cabeça e ao corpo do cão e publicou a gravação em uma rede social.

A ação brutal foi denunciada ao Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA). Os militares fizeram uma investigação prévia, confirmaram a autoria e vão remeter o caso ao Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), porque não houve flagrante.

O homem, identificado como Jhonatan Barcelos, foi procurado na casa da mãe, em Águas Lindas (GO), e em outra residência, localizada em Samambaia, mas não foi encontrado. Por isso, é considerado foragido. “Ele está sumido há três dias”, afirmou o subtenente do BPMA Wilson José Oliveira.

A gravação começou a circular no último sábado (16/6). A suspeita inicial é de que Jhonatan tenha encaminhado o vídeo com a morte do cachorro para assustar a ex-namorada. Segundo informações preliminares da polícia, ele responde a um processo de agressão contra a ex-companheira enquadrado na Lei Maria da Penha e quis intimidá-la matando o cachorro dela.


Devido às fortes cenas, o Metrópoles optou por borrar as imagens. No entanto, no áudio é possível identificar a raiva de Barcelos contra o animal. “Você vai morrer! Morre, desgraça. Eu quero te matar”, diz, enquanto desfere os golpes.

No Facebook, usuários se revoltaram contra o vídeo e pediram punição ao rapaz. Há comentários de que ele já apresentava uma postura agressiva. A reportagem tentou entrar em contato com Barcelos, mas ele excluiu a conta do Facebook nesta terça-feira (19).

FONTE: G1

6/27/2018

PENALIDADE: Indignação na Austrália por condenação leve para homem que matou 6 pinguins

Que penalidade sem vergonha!!! Está parecendo as melecas de juízes daqui do Brasil que soltam bandido  adoidado alegando falta de provas....
=============
Um homem que matou seis pinguins da espécie azul (a menor do mundo) foi condenado a prestar 49 horas de serviços comunitários por um tribunal australiano, uma sentença que provocou a ira dos ecologistas.

Joshua Jeffrey foi acusado de crueldade com agravante contra animais depois que espancou as aves com pedaço de pau quando estava bêbado, ao lado de outras duas pessoas, em uma praia de Sulphur Creek, no estado da Tasmânia, em 2016.

A juíza Tamara Jago afirmou que foi "um ato cruel contra pinguins vulneráveis" e que Jeffrey, de 20 anos, não demonstrou remorso, informou o jornal Hobart Mercury. De acordo com o jornal, a juíza "levou em consideração a capacidade intelectual limitada" de Jeffrey ao condená-lo a cumprir trabalhos comunitários e a pagar os custos de 82 dólares australianos (US$ 61), uma sentença que a associação Birdlife Tasmania criticou por ser "qualquer coisa menos dissuasiva".

O advogado de Jeffrey afirmou durante o julgamento que o cliente sofre problemas mentais desde a infância, segundo o anal ABC.

"Isto não impedirá outra pessoa faça exatamente a mesma coisa em algum momento no futuro", afirmou o diretor da Birdlife Tasmania, Eric Woehler.

"A sentença dá um valor mínimo à preciosa vida selvagem da Tasmânia. Isto estabelece um precedente inadequado para futuros ataques contra a vida selvagem".

A espécie pinguim azul pode viver até 24 anos e é encontrada apenas na Austrália e Nova Zelândia. Quase metade da população global destes animais vive na Tasmânia.

FONTE: em

6/26/2018

REVOLTANTE: Mulher mata o próprio cachorro após discussão com o marido em Itapira

O que esta criatura merecia? estava bêbada? porque não deu uma panelada na própria cabeça até rachar? Tá difícil saber coisas tão podres de "serumanas".... urgh!!!!!
------------------
Animal foi morto pela dona a paneladas. Vizinha que tentou intervir também ficou ferida.
Uma mulher de 38 anos matou o próprio cachorro após uma discussão com o marido, na manhã deste domingo (24), no Jardim Raquel, em Itapira (SP). De acordo com o registro da Polícia Civil, ela descontou a revolta da briga no cão e estava embriagada. A suspeita foi ouvida e liberada na delegacia do município.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, o cachorro foi morto a paneladas. Uma vizinha de 19 anos tentou intervir, mas foi atingida pela mulher com um caco de vidro. Os golpes atingiram o abdômen e os ombros da jovem. Ela foi socorrida ao Hospital Municipal de Itapira, fez curativos e foi liberada.

A ocorrência foi registrada como lesão corporal e ato de abuso contra animais. A Polícia Civil não informou o motivo dela não ter ficado presa.

FONTE: G1

6/20/2018

COVARDIA: Homem é flagrado matando gato a pedradas dentro de um saco - BA

É um capiroto solto aqui na terra!!!!! fugiu do inferno!!!! tinha que levar muitos tabefes antes da polícia pegar ele, né não? ele vai ser solto e aí quero ver a polícia pegar de volta.... vai responder em liberdade.... Caraca, a gente precisa mudar esta meleca de lei!!!!!! Agora quem ficou vendo, filmando sem fazer nada, é tão culpado quanto....
---------------- 
A JUSTIÇA FOI FEITA!!! O HOMEM QUE COLOCOU 2 GATOS EM UM SACO E OS MATOU A PEDRADAS, FOI PRESO PELA POLÍCIA CIVIL DE JEQUIÉ
Ontem, foi um dia muito difícil para nós, do Grupo Solar. Recebemos uma denúncia anônima, sobre um homem que havia colocado 2 gatos, em um saco e os matou a pedradas, tendo várias pessoas como testemunhas, filmando inclusive, tamanha crueldade. Como pode uma pessoa ser tão cruel? Até onde vai a maldade humana? 

Hoje pela manha, o Grupo Solar, representado por Analu Duarte e Dr. Chardison Castro de Oliveira, estiveram no Complexo Policial de Jequié, para prestar queixa, contra este crime . O autor foi identificado como ADRIANO SOUZA MORAES, o qual praticou crime de maus tratos. O mesmo foi conduzido ao CPJ, onde foi interrogado e o caso foi encaminhado ao Juizado Especial Criminal. 

Nós só temos a agradecer ao Delegado, Dr Moabe Lima e a todos os agentes da Polícia Civil de ba, pelo belíssimo trabalho e competência. Esperamos que cada um que tente cometer um ato bárbaro desse, pense muito bem antes de fazer porque aqui se faz, aqui se paga... 

Um agradecimento, especial, a Junior Mascote, pelo apoio em seu programa de rádio e em seu blog. Agradecemos, também, a todas as pessoas que nos passaram as informações sobre o caso. Fiquem tranquilos, pois tudo é mantido sob o mais profundo sigilo. A Polícia Civil segue sua missão no cumprimento da lei. Parabéns, a esses abnegados defensores da sociedade.

Fonte: Grupo Solar

6/15/2018

CRUELDADE: Homem mata cachorro a golpes de terçado em Marabá

Quer dizer, um comportamento animal gerou sua morte? a pessoa pode até ficar com raiva na hora, mas, daí a matar o cachorro por isso, é demais...... Pior que o humano covarde tem o nome do meu filho.... pustz!!!!!
--------------
Suspeito pagou fiança de R$ 2 mil e responde crime em liberdade. Ele alegou que atacou o cachorro após o animal caçar dois preás.
Um homem foi detido na última quinta-feira (7) por ter atacado um cachorro a golpes de terçado em Marabá, no sudeste do Pará.

O acusado foi identificado como Erick Wauber Afonso dos Santos e foi enquadrado no artigo 32 de crime ambiental por de maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos, domesticados, nativos ou exóticos.

De acordo com a Polícia Civil, Erick disse em depoimento que atacou o animal porque ele teria comido dois preás que ele criava. O acusado pagou fiança de R$ 2 mil e responde em liberdade. Ele ainda responderá processo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Marabá, além de ter que pagar multa de R$ 3 mil.

O cachorro foi socorrido pela organização não governamental Focinhos Carentes, que cuida de animais abandonados e maltratados, e levado para uma clínica veterinária, onde recebeu atendimento, mas acabou morrendo.

Maus-tratos em Marabá
De acordo com a presidente da ONG Focinhos Carentes, Fátima Mutran, Marabá registra alto índice de maus tratos de animais. Pelo abrigo da ONG já passaram mais de dois mil animais, entre cães e gatos, em dois anos de funcionamento do local. Para Fátima, o medo de denunciar um conhecido ou um vizinho por maus-tratos a um animal faz gerar essa onda de violência e impundade aos agressores.

"Em Marabá, as pessoas têm medo de denunciar o vizinho porque, vendo como ele é agressivo com o animal de estimação, a denunciante tem medo de que seja agredido pelo denunciado", contou Fátima.

"Às vezes, as pessoas vêm aqui conosco, relatam o fato das agressões e envenenamento, mas quando pedimos que elas nos acompanhem à delegacia para serem testemunhas dos casos, os denunciantes têm medo da reação do vizinho e desistem de prestar a queixa à polícia", completou.

O abrigo da ONG Focinho Carentes vive basicamente de doações. Segundo Fátima, quem quiser ajudar o espaço basta seguir e mandar mensagem no perfil da ONG no facebook, ou ir a uma das clínicas veterinárias parceiras.

"Estamos abertos para receber doações. Pode ser em dinheiro, em depósito bancário, ou em doações diretas como materiais veterinários, para limpeza, ração e qualquer outra coisa que seja relacionada aos animais de estimação. Cada ajuda é muito importante", concluiu.

FONTE: G1

6/02/2018

MATANÇA: Japoneses matam mais de 300 baleias para “pesquisas científicas”

Eu acho a civilização japonesa tão incrível, mas, quando vejo este horror que aquele país continua promovendo, perco as estribeiras e daí falo um monte, sabia? &*#%, #%¨&º  e mais outros impublicáveis...... Covardia dos donos dos olhos rasgados pra baixo.....
------------
Foram 333 baleias Minkes (Balaenoptera acutorostrata) mortas por caçadores japoneses na expedição de quatro meses, terminada em março último. 122 delas eram fêmeas grávidas. Outras dezenas eram imaturas, ou seja, eram jovens demais ainda para se reproduzir.

A alegação é que são “amostras biológicas” que servirão para investigar a estrutura e a dinâmica dos ecossistemas marinhos. A justificativa é a mesma utilizada no ano passado, como mostramos neste outro post, quando um número semelhante de baleias perdeu a vida.

Mais uma vez, as imagens brutais da matança anual das baleias e a desculpa esfarrapada dos japoneses provocaram revolta no mundo todo. Apesar do “objetivo científico” do extermínio, a carne e o sangue dos animais ainda hoje são vendidos em mercados e restaurantes como iguarias.

“A matança de 122 baleias grávidas é uma estatística chocante e triste, prova da crueldade da caça no Japão”, afirmou Alexia Wellbelove, gerente da Humane Society International, em comunicado à imprensa.

Em 2014, uma corte internacional ordenou a suspensão temporária da caça anual das baleias na região. Entretanto, o governo japonês encontrou uma brecha na moratória e, em 2016, voltou a matar os cetáceos alegando que tinha fins científicos e que reduziria o número de mortes para 1/3.

O método utilizado pelos japoneses para capturar as baleias é cruel. Segundo organizações ambientais, elas são mortas com granadas explosivas, colocadas na ponta de arpões. Mas apenas entre 50% e 80% delas morrem instantaneamente, deixando as demais em sofrimento profundo.

FONTE: conexaoplaneta

5/26/2018

MORTE DESNECESSÁRIA: Puma é sacrificado depois de atacar e matar ciclista

Lamentável? foi, mas, precisava voltar às matas para caçar e matar o animal? tristeza.... trouxe de volta o homem morto? então, pra que matá-lo?
----------------
Um homem chamado S.J. Brooks, de 32 anos, foi morto depois de ser atacado por um puma enquanto pedalava em um bosque no condado de King, no estado Norte Americano de Washington. Segundo informações publicadas pelo Seattle Times, este é apenas o segundo ataque fatal de puma nos últimos 94 anos.

O jornal ainda explica que Brooks e seu amigo Isaac Sederbaum (31) pedalavam na mata quando perceberam o animal se aproximando. Seguindo os procedimentos de segurança recomendados, a dupla parou de pedalar e fez barulho para espantar o puma - o que parecia ter dado certo.

Porém, pouco depois o animal retornou e atacou Sederbaum, Assustado, Brooks saiu correndo e acabou sendo perseguido e atacado. Neste momento, Sederbaum pegou sua bicicleta e fugiu em busca de ajuda, enquanto via seu amigo sendo arrastado pelo animal.

Quando o resgate chegou cerca de 30 minutos depois, Brooks já estava morto com o puma sobre seu corpo. Neste momento, a polícia deu alguns tiros para cima e o animal fugiu. Pouco depois, guardas florestais utilizaram cães farejadores para localizar e sacrificar o felino - que era um jovem macho de cerca de 45kg.

Segundo eles, o comportamento exibido pelo puma, que é um animal protegido pela lei norte-americana, foi extremamente atípico, já que ele costuma evitar ao máximo contato com seres humanos. Agora, as condições físicas do felino serão estudadas para tentar determinar a causa do ataque.

FONTE: pedal

5/24/2018

Dois anos depois, acusado de matar cão com chute nega crime na Justiça

Homem já foi condenado na vara cível a pagamento de indenização

O homem acusado de matar um cachorro da raça yorkshire com um chute, em abril de 2016, no bairro Santana, em Porto Alegre, negou as acusações durante audiência na Justiça nesta quinta-feira (17).

Era a última da fase de instrução do processo criminal. Jorge Gilberto Lima do Santos responde por maus-tratos a animais e ameaça contra a dona de Theo. A partir de agora, o processo aguarda sentença do juiz responsável pelo caso.

No processo que correu na vara cível, Lima foi condenado, em junho de 2017, a pagar indenização de R$ 20 mil por danos morais. O recurso que foi destinado ao Fundo Municipal de Proteção ao Meio Ambiente.

Relembre o caso
A agressão ocorreu no dia 28 de abril de 2016. À época, Isabel Cristina Maciel Luz relatou que Santos chutou o cachorro porque o animal teria feito xixi em frente ao prédio em que ele morava.

Durante a discussão entre Santos e Isabel, o cachorro teria sido chutado e arremessado para o outro lado da rua. Mesmo tendo sido levado ao veterinário para cirurgia de emergência, Theo não resistiu aos ferimentos. Diagnosticado com hemorragia interna e traumatismo craniano, além de ossos quebrados e fígado e baço fraturados, teve parada respiratória e morreu.

FONTE: gauchazh

5/15/2018

CANALHA: Pai matou os dois cães da filha para a castigar por não arrumar a casa

Que "serumano" desprezível...... Li a matéria do The Sun e peguei as fotos dos dois cães mortos covardemente.
---------
O suspeito divide a custódia dos filhos – uma adolescente de 17 anos e um rapaz de 13 – com a ex-mulher de quem está divorciado há 11 anos.

Um homem de 35 anos, residente no estado norte-americano do Oklahoma, está acusado de ter assassinado os dois cães de estimação da filha. Como nos conta o jornal The Sun, Jeffrey Edwards não gostou quando chegou a casa e viu que estava tudo desarrumado.



Para castigar a filha de 17 anos pelo estado em que a habitação se encontrava, o homem baleou mortalmente os dois cães da filha. Os cadáveres dos animais foram encontrados a cerca de 90 metros da casa, mas o suspeito nega ser o autor do crime. “É mentira”, garante.  A polícia está agora a investigar o sucedido. Certo é que a jovem, tal como o irmão de 13 anos, estão “em choque” com o sucedido.




FONTE: noticiasaominuto

5/04/2018

CRUELDADE: Caçadores estariam sacrificando cães de rua para a caça de javali

Estes caçadores desgraçados tem que serem internados como psicopatas..... malditos.... tenho um ódio  destes camaradas que nem imaginam....
--------------
Da forma mais desumana que já se conheceu, alguns caçadores de javali estariam sacrificando cães que são abandonados nas ruas como forma de realizar seus desejos maléficos. A denúncia uma das mais antigas protetoras dos animais em Olímpia, Apareci­da do Carmo Pama, conhecida por Cidinha Pama que faz parte da ONG S.O.S Animais. Embora sabendo do mal que javalis causam em pequenas lavouras, ela es­tá pedindo socorro e ajuda para resolver essa situação.

“Não temos nenhuma ajuda pública, tudo o que nós temos vem através do voluntariado. Tirar cachorro doente da rua, que é um trabalho de saúde pública, somos nós que estamos fazendo isso”, explicou Cidinha Pama durante uma entrevista que concedeu aos âncoras do programa Cidade em Destaque, da Rádio Cidade FM, José Antônio Arantes e Bruna Silva Arantes Savegnago.

Durante o programa ela contou como começou a história dessa caça de javalis, animais que foram trazidos da França, inclusive. “Esses javalis aparecerem por aqui e não foi por acaso, não são nativos. Um empresário/fazendeiro os trou­xe para a região de Olím­pia com a finalidade de fazer comercio da carne de javali”, iniciou Cidinha Pama.

“Porém, eu não sei por qual motivo, porque quando trouxe já deviam saber que ele (javali) era um animal agressivo, forte, grande, um predador, e que teriam então que tomar alguns cuidados para que não acontecesse o que aconteceu”, acrescentou.

De acordo com Cidinha Pama, nesse caso o que teria ocorrido foi que o animal (javali) “simplesmente rompeu o lugar (cercado) em que ele se encontrava e se espalhou para todo lugar. Aí acabou virando uma praga, uma epidemia”, reforçou.

USANDO CACHORRO COMO ISCA
Segundo Cidinha Pama pesquisou, a caça do javali é legalizada, mas não usan­do o cachorro como isca. Mas não é isso que, de acordo com ela tem sido verificado por muitas pessoas, segundo ela contou à reportagem.

“Os caçadores geralmente têm cachorros de raça, o pitbull é uma delas – esses cachorros custam caro, tem um que vale até em torno de 6 mil reais. Quando eles vão caçar, esses eles levam com apara­mento, peitoral e outras coisas, mas mesmo assim esses cachorros às vezes se ferem e trazem ao veterinário quando são feridos. Mas junto com esses, eles passaram a pegar cachorros de rua, os vira-latas. Os vira-latas não é raça, é uma condição, na verdade não existe a raça vira-lata, existe o sem raça definida, que foi abandonado pelo ser humano e ele se tornou de rua”, explica.

Ela relatou também que “os caçadores pegam o cachorro que está desnutrido, no meio da rua e levam para servir de isca. Quando chegam eles soltam. Você pega um cachorro que nunca viu um javali, você solta ele no meio e ele vai avançar, alguns acredito que nem tem essa condição. Aí o javali vai em cima dele, os cachorros deles fazem um baru­lhinho e eles vem e matam”.

Além disso tudo, conta que esses vira-latas machucados não são trazidos de volta. “Deixam lá com fome, feridos, juntando bicho.

Os cães podem ser usados para rastrear o animal, mas não para confronto direto. Identificamos que o ferimento é feito por javali porque eles pegam o pescoço e costas”.

“Tem outra coisa que eles fazem. Eles enchem uma carretinha de cachorro e vão caçar, então é obvio que eles tem que comandar isso. Sabem como eles fazem isso? Com arma de choque”, acrescentou.

Por isso, Cidinha Pama  pede para que as pessoas que perceberem esse fato que façam denúncia. Inclusive podem procurar a ONG S.O.S Animais. “Hoje todo mundo tem um celular, sa­be tirar foto e filmar, isso é válido em um tribunal. Ti­ra, de preferência faz um vídeo, fala o dia, a ho­ra, o local, os nomes dos caçadores se souber e entrega para a gente. Muitas das nossas denúncias, quando a pessoa não quer se identificar, a gente assume”, diz.

“A gente não está pedindo que não cacem o javali, até porque nós sabemos que ele detona todas as lavouras, principalmente as dos pequenos produtores e nós também somos contra, afinal a gente precisa dos pequenos produtores que fornecem comida para gente comer. O que a gente quer, é que a caça seja de uma forma humanizada, sem requinte de crueldade”, finalizou.

FONTE: ifolha

5/02/2018

DESABAFO: A emocionante carta de um homem ao "assassino" que lhe matou os cães

Mas é para ficar revoltado mesmo.... Tomara que ele mesmo ache o assassino e faça justiça..... Agora, vejam porque aconteceu o fato: deixavam os animais "passearem" a vontade..... Bicho meu é debaixo das minhas asas.... eu, hein.....
------------
É numa longa publicação no Facebook que Luciano Pérez denuncia o "assassino sem escrúpulos" que matou os seus quatro cães, em Alicante, Espanha. O homem oferece uma recompensa a quem encontrar o responsável pela morte dos animais.

Linda, Tina, Dana e Dumbo eram os fieis companheiros de Luciano. Os animais foram encontrados sem vida, num pequeno lago com sinais visíveis de tortura. Tudo terá acontecido durante as festividades da Semana Santa, avança o "Diario de MaIIorca". Um dos animais estava mesmo esquartejado e os donos apenas encontraram algumas partes do corpo.

O caso foi descoberto quando os donos dos animais estranharam o facto de os cães não terem regressado do passeio diário e foram procurá-los. Quando chegaram perto da lagoa - que fica dentro da sua propriedade - encontraram os animais, já sem vida e a flutuar. O homem comunicou o incidente às autoridades, que já abriram uma investigação, e no Facebook escreveu uma carta em que explica que recompensará em três mil euros quem ajudar a identificar o autor dos crimes A soma pode dobrar até aos seis mil euros se conseguirem prender o responsável.

Carta com milhares de partilhas nas redes sociais
A carta emocionada e cheia de raiva escrita por Luciano mereceu, desde logo, grande atenção nas redes sociais. São mais 700 partilhas e 200 comentários, no texto intitulado "Carta a um assassino de cães.
"Perdi os cães dos meus olhos. Agora, quando acordo de manhã, já não os vejo a dormir. Já não me vão acordar às três da manhã para os levar a fazer xixi ou a beber água", escreveu Luciano. Sinto muito a falta deles. Eles iam tomar conta de mim e ficar aqui até eu ser velhinho. Os meus olhos continuam a procurar por eles e o meu coração está destroçado. Não consegui fazer nada", disse.

FONTE: jn.pt

4/18/2018

Mata centenas de cães e vende carne para fazer kebabs

Não sou contra, de jeito nenhum, a emigração. Mas, os emigrantes chegarem com seus costumes bárbaros e impingi-los dentro do país que o recebe, acho um absurdo. Na Inglaterra, um emigrante agrediu uma senhora que passeava com seu cão porque isto não era permitido pelo islamismo.  Ora, tenha paciência...... Aqui no Brasil tem muito muçulmano que já está praticando o dia do sacrifício. É lá pelo Paraná e já avisei às ONGs através do nosso blog.  Aqui no Rio ainda tem o caparot muitíssimo reservado (ritual que judeus praticam girando frango em volta da cabeça para depois matá-lo). Mas, os jovens judeus não tem acompanhado o ritual, ou seja, é deixar que o novo se responsabilize em mudar.....
--------------------
Grupo de jovens apanhou homem a esfolar cão depois de o estrangular.
Um grupo de jovens russos ficou chocado ao encontrar um homem num parque da cidade de Chelysabinsk, na Rússia a asfixiar e em seguida a esfolar um cão de raça husky. Confrontaram o homem, que  lhe disse que já tinha matado "centenas de cães para vender a carne a um restaurante de kebabs" daquela localidade.

Imediatamente, os jovens contataram as autoridades, que identificaram e detiveram o homem. Trata-se de um imigrante, natural do Cazaquistão, que está na Rússia em situação ilegal.

Identificado pelas autoridades apenas como Nicolay, o homem confessou os crimes. "Quando eu vivia no Cazaquistão, havia muitos cães vadios e era normal matá-los e cozinhar a carne no carvão e comê-la", justificou o homem que admitiu ter usado um arame para estrangular o cão antes de o esfolar. No entanto, Nicolay garantiu que o cão não foi roubado nem se tratava de um animal abandonado. "Recebi aquele cão em particular como pagamento por um trabalho que fiz", contou à polícia.

O homem passou uma noite detido na esquadra e foi libertado no dia seguinte. Foi direto ao local onde tinha abandonado a carcaça do animal, que estava pendurada na parede de um edifício devoluto. Foi surpreendido no local por um grupo de ativistas dos direitos dos animais, que o impediram de levar o animal morto, e que estavam naquele local em protesto, pedindo que a polícia acuse criminalmente o homem. Fonte policial adianta aos meios de comunicação locais que Nicolay deverá ser deportado para o Cazaquistão.

FONTE: G1

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪