RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador flagrante. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador flagrante. Mostrar todas as postagens

1/04/2018

Vídeo mostra homens chutando e matando cutia em residencial de Macapá

Que "serumanos" nojentos.... mataram por que a pobre cutia? de graça.... totalmente de graça...
----------------
Imagens captadas por câmeras de vigilância eletrônica assustaram moradores de um residencial localizado na Rodovia Duca Serra, na Zona Oeste de Macapá. O vídeo mostra dois homens chutando e matando uma cutia com golpes de tijolo. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil do Amapá.

De acordo com uma moradora do residencial, que preferiu não ter a identidade revelada, a situação ocorreu no dia 28 de dezembro de 2017. Ela formalizou a denúncia na Delegacia de Meio Ambiente (Dema).

“Ao ver o vídeo, me deparei com uma cena absurda de alguns trabalhadores que foram contratados por um vizinho para fazer reparos na casa dele. Porém, eles aproveitaram para cometer um crime ambiental e isso nos revoltou”, disse a moradora.


Ainda segundo ela, animais silvestres de pequeno porte de várias espécies aparecem pelo residencial diariamente, por estar situado próximo à uma área de proteção ambiental, mas ela destaca que nenhum morador foi incomodado pelos bichos.

O delegado Sávio Pinto, titular da Dema, lembrou que a pena para esse crime ambiental pode chegar a 1 ano e 4 meses de prisão. Ele informou que os homens ainda não foram identificados e a investigação será intensificada.

“Os homens que aparecem no vídeo serão identificados e intimados para prestarem esclarecimentos. Após a investigação, eles devem responder pelo crime de maus tratos de animais com resultado de morte”, disse o delegado.

Fonte: G1 - Amapá

12/11/2017

Homem é flagrado mantendo relação sexual com um jumento e vídeo viraliza na web

Minha Nossa!!!! estes doidos ficam soltos por aí....
-------------------
Circula nas redes sociais um vídeo de um homem praticando zoofilia com um jumento, em meio a uma praça pública na cidade de Porto do Piauí, a 134 quilômetros de Teresina. Moradores da cidade estão preocupados porque o homem que aparece no vídeo teria transtornos psicológicos e estaria causando riscos à população.

Nil Queiroz, que é de Porto do Piauí, explica: “Ele costuma andar pela cidade sem roupa e todo mundo já sabe quem ele é. Sabe que tem problemas psicológicos, mas ninguém toma nenhuma providência. Esse episódio aí foi com um animal, mas poderia ser com uma criança, um idoso, uma pessoa indefesa. Um cidadão desses, que não tem controle sobre seus atos, pode muito bem cometer um estupro. A população fica apreensiva com isso”, relata Nil.

Ele explica que a postagem que fez no Facebook, compartilhando uma imagem capturada do vídeo, não tinha a intenção de expor o homem, mas de chamar a atenção das autoridades e órgãos competentes.

Em conversa com a reportagem, o delegado titular de Porto, Alisson Landim, disse que a polícia ainda não tomou conhecimento do fato, mas que iria averiguar.

O Portal O Dia procurou o prefeito Dó Bacelar para saber sobre a assistência psicossocial que está sendo oferecida ao homem, mas as ligações não foram atendidas ou então caíram na caixa de mensagem.


Maus tratos a animais é crime

Em conversa com o Portal O Dia, a titular da Delegacia de Prevenção a Crimes contra o Meio Ambiente, delegada Bruna Fontenele, explicou que a zoofilia em si não se constitui como prática criminal, segundo a Legislação Brasileira, mas ela destacou que os maus tratos decorrentes do ato são enquadrados na lei.

“Por se tratar de um crime considerado de baixo potencial ofensivo, ele implica na condução para a delegacia, mas não prevê a restrição da liberdade, ou seja, a prisão do indivíduo. É assinado um Termo Circunstancial de Ocorrência e o acusado pode ser liberado mediante pagamento de uma multa. Mas, mesmo sendo liberado, ele já fica com seu nome fichado e seu histórico criminal manchado com isso”, explica a delegada Bruna.

Ela acrescenta ainda que a multa paga varia conforme a gravidade dos danos causados ao animal e conforme a condição social e financeira do acusado.

FONTE: cidadesemfoco

Casal é multado em R$ 82 mil ao ser flagrado com filhotes de macaco-prego em carro

Estes traficantes encontram mercado entre músicos e artistas... virou moda graças aquele bobão do Latino..... 
-----------
Um casal foi preso depois de ser flagrado com cinco filhotes de macaco-prego dentro de um carro, em uma rodovia da cidade de Itatinga, em São Paulo. A motorista tentou mudar de faixa ao avistar uma viatura da Polícia Militar. Foi a partir disso que a equipe resolveu abordar o veículo.

Segundo a corporação, o casal apresentou nervosismo antes da vistoria no carro. Conforme o jornal Extra, os animais foram encontrados debaixo do banco do carro, soltos em meio a papeis, resto de alimentos e ferramentas.

Eram todos filhotes, de espécie ameaçada de extinção, estavam soltos em meio a papéis, restos de alimentos e ferramentas. Por se tratar de tráfico de animais silvestres, a polícia deteve em flagrante o casal, que foi multado em R$ 82 mil.

Os animais foram levados para o Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas) para receberem tratamentos veterinários.

FONTE: jornaldebrasilia

Rapaz é flagrado dando bebida alcoólica para cachorro

O idiota tinha que levar uns tabefes, não é mesmo?
-------------
Imagens que circulam pelas redes sociais mostram um rapaz de Auriflama dando bebida alcoólica – aparentemente whisky – para um filhote de cachorro, na noite do último domingo, dia 3, no bairro Colinas Parque.
As fotos foram divulgadas pelo próprio homem na ferramenta stories do Instagram. O fato acabou revoltando usuários da rede social, que enviaram as imagens para a reportagem do Pô Auriflama.

“É um absurdo que alguém faça uma atrocidade dessas com um animalzinho indefeso e ainda sinta orgulho em divulgar”, comenta um usuário, que por questão de segurança, preferiu não se identificar.

O conteúdo da sequência de imagens revela que, após atrair o animal e dar a bebida, o homem ainda o registrou caído, sob os efeitos do álcool, embaixo de um carro.

De acordo com a veterinária Vanessa Cervigni, dar bebida para os animais é prejudicial à saúde deles. “Levando em consideração, por exemplo, a diferença de tamanho do homem para um cão qualquer, a quantidade de whisky tem muito mais efeito do que para um ser humano”.

“Um dos problemas mais comuns entre os cachorros, quando estes ingerem bebidas alcoólicas, é a chamada intoxicação alcoólica. O contato de bebidas deste gênero com o estômago do animal, acaba causando também alguns outros problemas, como gastrite, úlcera, problemas renais e neurológicos, e baixa imunidade”, comenta.

Já para Lourdes Brito, presidente da Apaa (Associação Protetora e Amparo Animal de Auriflama), o jovem cometeu crime. “O artigo 32 da lei 9.605 de 1998 condena o que ele fez. É preciso que as pessoas denunciem esse tipo de crime e acionem a Polícia, assim que presenciarem a situação”, afirma.

Ela conta que agora, a Associação está à procura do cão, para poder oferecer-lhe os cuidados veterinários necessários.

FONTE: acidadevotuporanga
----------
Atualização:
Jovem nega ter dado bebida ao cachorro

11/19/2017

Adolescentes são flagrados pescando tartarugas para vender em MT

A gravidade do crime dos perebentos que pescavam ilegalmente as tartarugas fica algo surreal quando os pais dizem que era melhor fazerem isto do que estarem roubando...  hã, como é que é? 
-----------
Pais sabiam e disseram ao Conselho Tutelar que ‘era melhor estarem pescando do que roubando’. Adolescentes foram flagrados em barco no Rio Araguaia, no Parque do Araguaia.

Dois adolescentes, de 15 e 16 anos, foram flagrados pescando tartarugas no Rio Araguaia, no Parque Estadual do Araguaia, na região de Novo Santo Antônio, a 1.064 km de Cuiabá. Foram apreendidas 60 tartarugas-da-amazônia com os adolescentes. Os meninos foram levados para o Conselho Tutelar. A situação ocorreu no final de semana e foi divulgada pela Sema nessa segunda-feira (6).


De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), os adolescentes planejavam comercializar os animais por quilo ou inteiros na cidade de São Félix do Araguaia, a 1.156 km da capital, onde moram. A prática da pesca de tartaruga, considerada ilegal, é comum na região, e as fiscalizações foram intensificadas.

Segundo a gerente do parque, Lucilene Pereira, os adolescentes pescavam no Rio Araguaia e estavam em uma canoa. Os animais foram colocados dentro de sacos. Ao verem a fiscalização, que contou com policias militares, os adolescentes tentaram fugir e jogaram os sacos com as tartarugas em um barranco.

Uma tartaruga, por ser muito grande e não caber no saco, também foi arremessada pelos adolescentes.

“Eles estavam há dois dias pescando e capturando esses animais e venderiam em São Félix do Araguaia. Os pais sabiam e disseram ao Conselho Tutelar que é melhor pescar do que roubar. O que revolta é que os pais sabiam e apoiavam”, comentou a gerente do parque ao G1.

Os adolescentes são vizinhos. Também foram apreendidos anzóis, uma canoa, um motor e 30 boias usadas para capturar as tartarugas. Alguns dos animais estavam desidratados e machucados. Mesmo assim foi possível fazer a soltura delas na praia do Rio Araguaia para que retornassem à natureza.

O Parque do Araguaia tem, aproximadamente 223 mil hectares e atrai turistas para pesca. A pesca depredatória e outros crimes ambientais podem ser denunciadas por meio da Ouvidoria da Sema: 0800-65-3838.

FONTE: G1

11/17/2017

Mulher é flagrada duas vezes no mesmo dia ao transportar macacos em mochilas

A certeza da impunidade revolta qualquer cristão. O policial tenta amenizar a aplicação da lei, mas, não dá para aceitar.... e vai ser sempre assim... Detalhe que nem o nome da bandida a gente merece saber...... Que paizinho este nosso!!!!
-------------
Moradora é de Mirassol (SP) e, segundo a polícia, é conhecida por traficar animais. Suspeita foi multada em R$ 60 mil por maus-tratos.
Uma mulher foi flagrada duas vezes no mesmo dia, nesta quarta-feira (15), tentando levar macacos do noroeste paulista para São Paulo dentro de mochilas. A moradora é de Mirassol (SP) e, segundo a polícia, já foi pega outras vezes traficando animais silvestres.


De acordo com a polícia, ela foi abordada quando passava por Catanduva (SP) levando um macaco prego. O animal foi apreendido e a mulher foi solta, mas à noite tentou cometer o mesmo crime novamente. Na segunda abordagem, ela foi flagrada pela Polícia Rodoviária Estadual passando por Cedral (SP) com quatro macacos da mesma espécie. 


Ela foi multada em R$ 60 mil por maus-tratos e transporte de animais silvestres. Ainda de acordo com a polícia, o valor é considerado alto, já que ela é reincidente, ou seja, cometeu outras vezes o mesmo crime. Os macacos foram levados para o hospital veterinário em São José do Rio Preto (SP) e serão soltos na natureza.


Fonte: G1 - TV TEM

11/16/2017

'Achei ela bonitinha': casal flagra suspeito abusando de cachorra - PR

Tinha que pegar estes camaradas e cortar fora o que todos sabem.... Isto é doença e não tem cura.... só cortando fora mesmo..... a progenitora dele deve ser "bonitinha" também, né não? e nem por isso ele vai lá.... Céus, até eu fico pirada e falo revoltada!!!!!! mas, quem aguenta?
------------
Um caso de violência sexual contra uma cadela, registrado em Rio Negro, ganhou grande repercussão nas redes sociais nos últimos dias.  Ao acordar na madrugada do sábado (10) para ir ao banheiro, um casal escutou os gemidos do animal de estimação e, após encontra-la com um homem em um terreno abandonado atrás de casa, descobriu o abuso.

Belinha, sempre muito dócil e brincalhona, vivia nas ruas até ser adotada por Jean Carlo Mayer e Ellen Colaço, ambos de 23 anos. Há seis meses a cadela é tratada como filha pelo casal, que mora bairro Alto, ao lado de uma casa abandonada. “Algumas pessoas falam que está na Justiça, outras que tem dono. Mas é um reduto de drogas e bandidos. Este ano assaltaram minha casa, e entraram por ali, pois fica nos fundos”, relatou Mayer à reportagem do Massa News.


Na madrugada do sábado, o rapaz contou que a esposa acordou para ir ao banheiro por volta de uma hora da manhã, quando escutou Belinha gemer. “Os gemidos vinham da casa, quando foi lá, encontrou o cara com ela. A princípio ele se apresentou como morador de rua, mas ao revistar eu encontrei a chave de uma das quitinetes onde moramos”, explicou. O rapaz notou, então, que as partes íntimas da cachorra estavam inchadas e com um líquido branco.

“Nisso minha esposa perguntou o que ele estava fazendo com a cadela, daí ele disse que ‘tinha achado ela bonitinha’. Ele saiu correndo depois disso, mas não fomos atrás pois na hora da raiva iríamos perder a razão”, contou Mayer, revoltado. A polícia foi acionada e o casal registrou um Boletim de Ocorrência na delegacia, porém o suspeito não localizado.

“Ele [suspeito] veio morar aqui há três dias para trabalhar em uma prestadora de serviços, mas foi mandado embora por justa causa no dia seguinte. A empresa gentilmente ofereceu o suporte que precisávamos, mas parece que ele voltou para Pitanga, onde morava”, revelou o rapaz. Mayer disse, ainda, que uma vizinha afirmou ter sido perseguida pelo suspeito horas antes do crime contra a cadela. “Ela contou que conseguiu correr e se esconder em casa. Daí acho que na fissura, ele [suspeito] veio aqui e pegou nossa cachorrinha”.

Agora, a única coisa que o casal quer é justiça. “Desde o dia do abuso, a Belinha fica só deitada no canto dela, hoje que está um pouco mais alegrinha. Queremos justiça. Se ele foi capaz de fazer isso com um animal, imagine com uma criança ou uma mulher”, desabafou.

Fone: Massa News

11/15/2017

Flagrante explícito da crueldade que há nos rodeios

É de uma podridão esta meleca de rodeio que revolta qualquer cristão....  Os idiotas do Congresso dizer que isto é cultura e que é patrimônio imaterial de um povo dá vontade de vomitar na cara deles..... Esta cena é de um rodeio aqui no Brasil.... Reparem que 7 homens ficam em volta do brete e todos fazem alguma coisa com o animal que mesmo antes do peão nojentão puxar o sedém ele se desespera de dor....

Estes políticos que assinaram a PEC 50 que legalizou a crueldade contra os animais são uns canalhas!!!!

Fonte: LiveLeak

10/29/2017

Cachorra é agredido com enxada em Atibaia - SP

Meu Deus do Céu, por que tanta covardia? a pobre cachorra tenta entrar na casa dela e os bandidos criminosos agridem de graça? Quando a polícia encontrar estes desgraçados, vamos precisar dar uma "lavada" no coração e mente deles, né mesmo? canalhas... covardes.... ai, que ódio!!!!!
------------
Animal fugiu de casa e foi agredido por dois homens.
Câmeras de segurança flagraram momento da agressão, que é investigada pela Polícia Civil.

A Polícia Civil investiga a agressão contra um cachorro em Atibaia (SP). Dois homens apedrejaram e usaram uma enxada para bater no animal, que teria escapado da casa do dono. Uma câmera de segurança flagrou o ato e o vídeo será usado na investigação - maus tratos contra animais é crime com pena de detenção de três meses a um ano.


O dono da cadela, Maurício Cunha, conta que a agressão foi na última terça-feira (24) no bairro Maristela 2. A pastor alemão dele teria fugido de casa quando o dono saiu para jantar. Na volta, ele percebeu que ela não levantava e resolveu consultar as imagens das câmeras de segurança e viu as agressões.

A imagem mostra duas pessoas se aproximando do animal, que tenta se esconder próximo ao portão da casa do dono. Logo depois, eles golpeiam com uma enxada, pedaços de pau e pedras. Durante as agressões, a cadela aparece fazendo um buraco na terra por baixo do portão para se esquivar das agressões. Segundo o dono, ela conseguiu entrar em casa antes dele retornar.

Atendimento
Após as agressões, a cadela foi levada ao veterinário e medicada. “Ela está bem, mas não anda acho que pelas dores no corpo e se alguém se aproxima, ela esconde o focinho. É um cachorro da família, não é de rua. O que eles fizeram foi covardia”, avaliou Maurício.

Segundo a Polícia Civil, o caso foi registrado como prática de ato abusivo a animal. As imagens devem ajudar na identificação dos agressores.

Fonte: G1 Vale do Paraíba

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪