RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador devolução a natureza. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador devolução a natureza. Mostrar todas as postagens

3/31/2019

Tartarugas marinhas são devolvidas à natureza em Curuçá, nordeste do Pará

Sempre fico pensando naquelas que não tiveram a sorte de ser resgatada, tratada e devolvida....
---------------
Animais foram capturados acidentalmente por pescadores da região, que são parceiros do projeto Suruanã. Tartarugas foram soltas na Praia do Amor, em Abade.

Integrantes do projeto Suruanã, da

3/27/2019

Pesquisadores devolvem 12 peixes-boi à natureza na Amazônia

Eu me senti no lugar dos tratadores..... não suportaria me afastar deles.... acho que ia fazer uma balsa e morar no meio do rio só pra não deixar eles correrem risco..... Caraca, sou muito galinha, quero tudo quando é bichos debaixo das minhas asas......
-----------------------
Uma missão inédita e emocionante na Amazônia. Após três dias navegando num afluente do rio Solimões, pesquisadores devolveram de uma só vez 12 peixes-boi

2/28/2019

Cobra que tentou afogar 511 carrapatos volta à vida selvagem

A baitona cheia de carrapatos impressionou muito.... Agora, recuperada, de volta às suas atividades.... Boa sorte, Nike!!!!!
---------------------
A cobra que foi resgatada após tentar afogar 511 carrapatos na piscina de uma casa em Coolangatta (Gold Coast, Austrália), no início de janeiro, voltou finalmente à vida selvagem na semana passada.

Mais de 5,5 mil caranguejos apreendidos são devolvidos à natureza

Eu tenho tanta pena de crustáceos...... A maioria é cozido vivo..... que horror!!!! lembrar que um dia comi estes bichinhos me deixa com dor na boca do estômago.....
---------------
Animais foram caçados em época do defeso. Semas devolveu os crustáceos ao mangue.

Cerca 5.500 caranguejos foram devolvidos à natureza durante o período

11/15/2018

Macacos são devolvidos à natureza

Dá uma pena!!!!! sou muito galinha, gente... por mim ficaria tudo debaixo da minha asa.... sem dúvidas....
------------
Animais foram apreendidos nesta semana, na rodovia Washington Luiz, em Rio Preto
Os quatro macacos-prego apreendidos nesta semana foram devolvidos ao seu habitat natural na manhã deste sábado, 10. Eles foram resgatados na quarta-feira, 7, na rodovia Washington Luiz, em Rio

10/22/2018

Ibama devolve 600 animais à natureza, no Ceará

E se o IBAMA acabar? Não sei o que vai ser de nós!!!! pra quem não sabe, um do projetos do futuro governo é acabar com o IBAMA...... Vou para Plutão!!!!!
----------------------
Os bichos estavam em recuperação após serem resgatados em operações contra crimes ambientais.
Cerca de 600 animais foram devolvidos à natureza ao longo desta semana no Ceará pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente

10/06/2018

Animais são devolvidos à natureza no aniversário de 16 anos da reserva da Mata do Passarinho

Que maravilha o aspecto educacional do momento.. Que estas crianças sejam repercussoras da libertação animal.
----------------
Evento envolveu a participação de estudantes da rede municipal
Com soltura de animais silvestres, trilha, palestras, café da manhã orgânico, muito cuidado com o meio ambiente e a nova logomarca. Foi assim que a reserva urbana da Mata do Passarinho, em Olinda,

9/16/2018

Pernambuco recebe animais silvestres repatriados de São Paulo

Ainda bem que estes pobres animais serão reabilitados e devolvidos.... traficante tinha que ser amarrado de cabeça pra baixo num formigueiro.... acham pouco? dá sugestão....
------------------
Ao todo, 125 aves e 56 jabutis foram apreendidos em fiscalizações no Sudeste e serão reabilitados para retornar à caatinga.
Em novo repatriamento, o Centro de Triagem de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara) acolheu 181

7/12/2018

Onças são levadas em avião da FAB até região próximo a Alta Floresta para serem soltas

Estamos acompanhando a devolução destas onças.... Só temos que rezar para nenhum caçador psicopata atire nela ou, então, seja atropelada em vias rodoviárias....
---------
As duas onças-pintadas fêmeas criadas em cativeiro foram levadas por um helicóptero da Força Área Brasileira (FAB), até uma reserva às margens do rio São Benedito, em Jacareacanga, no Pará, localizada a cerca de 60 quilômetros da cidade de Alta Floresta. Elas foram colocadas em um cercado especial para adaptação e devem ser soltas no próximo ano.

6/01/2018

RETORNO À NATUREZA: Fundação mantém animais prontos para retornarem à natureza

Bem, a gente já leu sobre os vários problemas que aquele zoológico teve..... Parece que tem coisa boa por lá, também. Menos mal...
----------------
A Fundação Jardim Zoológico de Brasília mantém 24 animais prontos para retornarem à natureza. A soltura depende agora da definição, por parte do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), de um local apropriado e seguro para os bichos.Todos os animais chegaram ao zoológico depois de resgatados ainda filhotes. O desafio da instituição nesses casos é garantir que eles se desenvolvam saudáveis, mas sem se acostumar ao cuidado humano.

FONTE: massanews

3/14/2018

24 macacos-pregos são devolvidos à natureza, no sertão cearense

A devolução dos animais ao seu habitat é algo que nos conforta e ameniza nossa tristeza, né mesmo? Acho maravilhoso quem pode trabalhar neste setor. Muita força e luz para todos estes!!!!!
--------
Os animais precisaram de reabilitação após resgatados em operações de combate ao tráfico e combate ao cativeiro ilegal

Equipes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) no Ceará e no Rio Grande do Norte devolveram à natureza 24 macacos-pregos (Sapajus libidinosus) no último dia 1º, no sertão cearense. Os animais estavam no Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Ibama, após resgate durante operações de combate ao tráfico e ao cativeiro ilegal. A reabilitação e soltura dos macacos-pregos teve apoio de pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Antes da soltura, 16 macacos-pregos precisaram ser reabilitados, o que envolveu reeducação alimentar, treinos de habilidades manipulativas e locomotoras, além de socialização com indivíduos da mesma espécie. Após a soltura, os macacos apresentavam comportamento típico da espécie em vida livre, segundo especialistas do Ibama. Pesquisadores da UFRN e analistas do Ibama vão continuar monitorando os animais nos próximos meses.

Em 2015 e 2016, foram 66 mil animais silvestres recebidos no Centro de Triagem após apreensões realizadas pelo Instituto, pelas polícias ambientais dos estados e demais órgãos fiscalizadores. No mesmo período, foram devolvidos à natureza pelo menos 63 mil animais.

Cerca de 80% dos animais recebidos são aves, 14%, mamíferos (a maior parte primatas) e 5%, répteis. Estes últimos voltam à natureza com facilidade no processo de soltura. Mamíferos como primatas e felinos, por terem uma difícil recuperação das habilidades e instintos, na maioria das vezes são destinados a criadouros e zoológicos autorizados.

“Ao devolver os animais à natureza, ocorre um revigoramento, inclusive genético, da fauna. O resultado é o equilíbrio ambiental”, diz a coordenadora de Gestão, Destinação e Manejo da Biodiversidade do Ibama, Raquel Monti Sabaini.

FONTE: opovo

1/28/2018

Mais 126 animais silvestres são recuperados e devolvidos à natureza em Alagoas

Soltura de 30 espécies em região de Mata Atlântica foi realizada em ação conjunta entre o IMA e o ICMBio

Mais 126 animais, entre aves, répteis e mamíferos, foram devolvidos à natureza nessa quinta-feira (25). A ação realizada pelo Instituto do Meio Ambiente do Estado de Alagoas (IMA/AL) teve a parceria do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

A ação aconteceu na Área de Proteção Ambiental (APA) de Murici, que abrange os municípios de Murici, União dos Palmares, São José da Laje, Ibateguara, Colônia Leopoldina, Novo Lino, Joaquim Gomes, Messias, Branquinha e Flexeiras. A localização exata não pode ser divulgada para evitar a repactura.

Na soltura, 126 animais de diferentes espécies retornaram à natureza. Todos eles chegaram ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas/IMA/Ibama) por meio de resgate ou entrega voluntária. Os técnicos que atuam no Centro ressaltam que qualquer pessoa pode fazer a entrega de animais silvestres ao Cetas, sem que haja qualquer aplicação das sanções previstas na legislação.

Foram soltos três mamíferos: uma raposa, uma preguiça e dois porcos-espinhos; mais três répteis: jibóias. As aves estavam em maior número: uma coruja-de-igreja, um caburé, nove caboclinhos, cinco sanhaços-de-coqueiro, 54 canários-da-terra, 27 papa-capins, 12 jesus-de-meu-deus, 29 sibites, 10 patativas, 12 sanhaços-cinza, um sete-cores (espécie ameaçada de entinção), entre outras.

Coendou speratus

A história por trás da soltura dos dois porcos-espinhos, também conhecidos como cuandu-mirins (Coendou speratus), resulta mais uma vez da violência de pessoas contra animais silvestres. Os animais chegaram ao Cetas com ferimentos graves, claramente provocados pelas pessoas que os capturaram.

Os dois precisaram passar por cirurgia. A bióloga, médica veterinária e consultora ambiental do IMA/AL, Ana Cecília, explicou o procedimento realizado nos cuandus. “Os dois chegaram ao Cetas com sinais de agressão humana. Um deles tinha um grande ferimento na região na cabeça e protusão do globo ocular. A equipe fez a cirurgia e o animal passou por todo o tratamento adequado até sua total recuperação”, contou.

Ela relatou, ainda, que foi necessário fazer a retirada de globo ocular desse animal, e uma sutura de pele na região da cabeça. Apesar da gravidade das lesões, os dois, em quatro semanas, conseguiram se recuperar totalmente e foram devolvidos ao habitat natural na soltura feita nessa quinta-feira (25).

O IMA/AL pede que a população não retire da natureza nenhum animal silvestre. Em caso de aparecimento de alguma espécime em residência ou para denunciar a captura ou manutenção em cativeiro, a população deve entrar em contato com o Batalhão da Polícia Ambiental (BPA) pelos números 3315-4325 ou 98833-5879 ou realizar a denúncia ao IMA/AL pelo Canal Verde (0800 082 1523), pelo formulário do site ima.al.gov.br/contato ou baixando o aplicativo IMA Denuncie em qualquer smartphone.

FONTE: tribunahoje

1/15/2018

Após ser recusado por Órgãos Públicos, macaco atropelado é devolvido à Natureza

Agora vocês vejam como funcionam os órgãos públicos do nosso país.... é uma vergonha..... ô nojo!!!! incompetência geral!!!!
----------
'O que mais amei foi na sua soltura, quando meu cunhado abriu a gaiola ele saiu pulando subiu numa árvore e antes de sumir na mata parou olhou pra gente como se estivesse agradecendo pelo o que fizemos.'

Porto Velho, RO – No último domingo, um casal acolheu em seu lar um macaco que havia sido atropelado por uma motocicleta, na Avenida Rio Madeira. Após tentar, por diversas vezes, entregar os animais aos órgãos públicos, o animal acabou indo para a residência, onde recebeu cuidados.

Conforme foi informado, um casal estava seguindo pela Avenida Rio Madeira sentido Parque Ecológico, quando avistou o animal que havia acabado de ser atropelado. O casal juntamente com outra pessoa, cuidaram do animal e o colocaram em uma gaiola temporária, para evitar que o animal fugisse e corresse o risco de se machucar ainda mais.

Em contato com a Polícia Militar Ambiental, o casal recebeu informações que eles não dispunham de material de manejo e captura, sendo assim, não poderiam resgatar o animal. Ao ligar para o Ibama, a mulher foi informada que o órgão só trabalhava de segunda a sexta e, por se tratar de domingo, não poderia receber o animal.

Na última tentativa, ao ligar para o Corpo de Bombeiros, o militar afirmou que o órgão não poderia fazer nada a respeito, pois o convênio entre o Corpo de Bombeiros e Usina de Santo Antônio havia acabado. Os animais silvestres capturados eram levados para a Universidade Federal de Rondônia (Unir), onde eram atendidos e devolvidos para a natureza.

O animal recebeu alguns cuidados e, já mais recuperado dos ferimentos, foi devolvido à natureza. “O que mais amei foi na sua soltura, quando meu cunhado abriu a gaiola ele saiu pulando subiu numa árvore e antes de sumir na mata parou olhou pra gente como se estivesse agradecendo pelo o que fizemos".



FONTE: newsrondonia

10/27/2017

VÍDEO: bombeiros resgatam lagarto em fogão de residência

Gente, coitadinho!!!!! kakaka... ele que morava num fogão quentinho vai ter que encontrar uma nova moradia..... Deu trabalho para sair da gaiola..... 
--------------
Proprietária encontrou animal dentro de casa recém comprada no Loteamento das Hortênsias
O Corpo de Bombeiros de Santa Cruz do Sul foi chamado para realizar um resgate incomum nessa terça-feira, 24. A proprietária de uma casa recém comprada no Loteamento das Hortênsias encontrou um lagarto vivendo dentro de um fogão campeiro. A mulher acionou os bombeiros que removeram o animal da estrutura na Rua San Marino, Bairro Jardim Europa.

De acordo com a corporação, a casa estava fechada durante dois anos, então o animal da raça teiú, também conhecida como teju, vivia dentro do fogão. A guarnição composta pelos sargentos Fernando e Borba e pelos soldados Samir e Marquardt removeram o bicho do fogão. Os bombeiros passaram trabalho na hora de libertar o lagarto na natureza, ele ficou preso na gaiola e não queria sair. Após alguns minutos o animal foi liberto em uma região de mata.



Fonte: Gáz

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪