RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador denuncia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador denuncia. Mostrar todas as postagens

5/27/2019

Em Londrina, professor é denunciado por maus tratos a animais

E agora? tem que investigar mesmo...
-------------
Em entrevista à Rádio CBN, Amanda Ozelin, uma protetora de animais que registrou Boletim de Ocorrência contra ele, relata que o homem adotava cachorros que eram colocados para adoção via internet – ele entrava em contato com os doadores e protetores e se habilitava para ser tutor dos animais.

1/08/2019

Justiça desconsidera bem-estar animal e obriga protetora a retirar gatos de apartamento

Conheço a Lilian há muitos anos e cheguei a ir no seu apartamento. Um espetáculo. Um luxo e totalmente voltado ao conforto dos gatos. E, tenho certeza que esta gente nojenta que está perseguindo ela, não tem razão nenhuma.
-----------------
Uma decisão judicial determinou a retirada dos gatos sem pensar no bem-estar deles e sem que tivesse sido comprovado que a permanência dos animais no local era prejudicial para o condomínio.

10/22/2018

Protetora denuncia maus-tratos a mais de 30 cães em Campestre da Serra

Mas que raio de dono é este que não quer que os bichos fiquem em melhores condições? deve ser um perturbado....
-----------------
Caso foi registrado na Polícia Civil de Caxias do Sul
Uma protetora da causa animal de Caxias do Sul denunciou à Polícia Civil um caso de maus-tratos a mais de 30 cães em Campestre da Serra. A ocorrência foi registrada na tarde de sexta-feira (12).

10/18/2018

Mulher denuncia vizinha por roubo de gata na BA

Tem uns negócios que fica difícil a gente entender.... A mulher foi filmada e tem a cara de pau de negar? Que fim ela terá dado a gatinha? Tem gente muito nojenta mesmo!!!!
-----------------
Mulher denuncia vizinha por roubo de gata na BA; vídeo registra momento em que animal entra no carro da suspeita. Caso ocorreu no bairro de Armação, em Salvador. Dona do animal mostrou imagens da câmera à suspeita, mas ainda assim, mulher negou que pegou gata.

Uma mulher denunciou a vizinha à polícia

10/12/2018

Imagens flagram filhote de baleia preso em rede para conter tubarões na Austrália

Isto já vem sido falado há tempos, mas, ninguém tem dado muita bola. Parece que agora está tomando um vulto considerável..... Um verdadeiro absurdo!!!!!!
--------------------
Ativistas denunciam que governo tenta esconder o extermínio da vida marinha
A intenção é proteger os banhistas que aproveitam as praias de Gold Coast, um conhecido balneário no sudeste do estado

4/17/2018

Protetora é denunciada e reabre polêmica sobre alimentar animais de rua - MS

Sinceramente, não entendi porque esta protetora não recorreu ao CCZ local que tem programa de adoção, incluindo microchipagem dos animais. A colega da ONG Cão Feliz, falou muito bem. Endosso totalmente, embora compreenda as dificuldades de certas pessoas entenderem como funcionam as coisas....
-------------
Os animais foram recolhidos pelo CCZ
É permitido alimentar cachorros e gatos de rua? Esta questão tem causado polêmica entre protetores de animais. Nesta semana, a dona de casa Ângela Silva foi denunciada por um vizinho após deixar alimento e água para os gatos de rua na calçada de sua casa.

Ângela conta que não é a única que faz isso na região e que só não adota os animais porque tem quatro cachorros no quintal. “Eu não posso trazer para minha casa porque meus cachorros não deixam, mas eu alimento e dou água”, afirma. Outros três moradores também foram denunciados ao CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), mas a dona de casa defende que os animais não incomodam ninguém.

“Eu cuido de três gatos, eles dormem no meu portão. Eu dou ração boa para sustentar os gatos, eu posto foto para doar e não consigo”. Após a denúncia, a dona de casa recebeu a visita do CCZ, que levou os gatos, situação que a deixou muito chateada. “Eu me senti aterrorizada, me botaram medo, falaram que eu podia ser responsável jurídica pelos animais. Eu só estava alimentando e ainda sou criticada”.

O Centro de Controle de Zoonoses afirma que a alimentação de animais de rua não é recomendada. Segundo o Centro, além de ocasionar transtornos à população vizinha, acarreta na exposição involuntária destes moradores a situações de insalubridade e risco de zoonoses. A presidente e fundadora da ONG Cão Feliz, Kelly Macedo, afirma que o ideal é adotar o animal, mas sabe que às vezes o coração fala mais alto. “Se você quer alimentar, é melhor levar para casa, cuidar dele. Eu sei que é complicado, quando a gente vê animais abandonados, o intuito é alimentar mesmo”.

A dona de casa Ângela não conseguiu novos donos para os bichos, mas a situação é enfrentada diariamente pela ONG, que já tem 121 cachorros no abrigo. “Eu não posso nem pegar mais porque já temos uma dívida enorme, um abrigo cheio e a adoção está muito fraca”, afirma.

Em nota, o CCZ afirma que a melhor maneira de cuidar dos animais é leva-los ao Centro no caso de impossibilidade de adoção, já que não há informações sobre a vacinação e seu histórico de saúde. “Lembramos que animais de rua são potenciais transmissores de raiva e outras zoonoses e nosso município frequentemente encontra morcegos contaminados com o vírus rábico. Reforçamos que, se o cidadão não pode assumir a responsabilidade sobre o cão ou gato deve levá-lo ao CCZ. Não é recomendado que o morador espere mais de 7 dias para não retardar o processo de adoção”.

O CCZ realiza microchipagem de cães e gatos mediante o pagamento de uma taxa de R$15. O microchip serve para que caso o cão ou gato seja abandonado ou encontrado possa ter o proprietário identificado.

FONTE: midiamax

2/15/2018

Protetores de animais denunciam CCZ de capturar cães saudáveis em rua de Manaus

Vai entender.... nesta cidade recolhem e em BH soltam nas ruas.....
---------------
Os animais, considerados comunitários, foram recolhidos do Viver Melhor 3, Zona Norte. Vídeo divulgado nas redes sociais registrou tudo

Protetores de animais da cidade de Manaus reivindicaram na manhã desta sexta-feira (9), na sede do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), na Compensa, Zona Oeste, a entrega de três cães comunitários que foram capturados por agentes da CCZ ontem, quinta-feira (8), no Residencial Viver Melhor 3, bairro Cidade de Deus, Zona Norte. Um Vídeo divulgado nas redes sociais registrou tudo.

A vereadora e protetora de animais Joana D’Arc esteve no local e afirmou que os animais comunitários foram recolhidos do habitat deles e colocados em situações precárias no Centro de Zoonose. “Recebemos essa denúncia pelas redes sociais. Quando vi o vídeo fiquei surpresa pela captura desses animais comunitários. Existe uma liminar na Vara Ambiental para que o Centro apresente os documentos da captura desses animais. Tentei pegar com a diretora essas informações, mas não quiseram repassar. Queremos levar os animais, porque estão em situações precárias”, relatou a vereadora.


Segundo Joana D’Arc, existe exigências para que animais comunitários sejam recolhidos no Estado, conforme a Lei 170 de 2013. “Para capturar os animais comunitários, deve ser verificado se existe alguém responsável por eles. No vídeo que temos acesso, do momento da captura, uma moradora afirma que é a cuidadora dos animais, e mesmo assim o Centro de Zoonose continuou com a captura”, relatou a vereadora.

Joana também destacou que caso os animais não sejam retirados do Centro de Zoonoses hoje, o grupo pretende acampar no local. “Falei com o subsecretário de Saúde e ele me pediu para esperar os procedimentos legais. Mas não tem como esses animais ficarem aqui. Estão correndo risco de contaminação. Vamos entrar em contato com o Ministério Público do Estado do Amazonas e com a Dema (Delegacia do Meio Ambiente)”, relatou.

Vídeo nas redes sociais

Um vídeo divulgado nas redes sociais mostrou o momento em que cães foram capturados pelo CCZ no Residencial Viver Melhor III. Segundo a autora do vídeo, uma mulher identificada apenas como “Érica”, os animais estvam castrados, vacinados, vermifugados e pertenciam à comunidade. Isso tornaria ilegal a apreensão dos animais, conforme a Lei Estadual nº. 170 de 30 de agosto de 2013.

Tramita na Vara de Meio Ambiente da Justiça Estadual uma ação civil pública desde 2014, sobre denúncias feitas pelas ONGs Pata e Compaixão Animal sobre o que os defensores de animais chamam de “arbitrariedades” cometidas pelo Município de Manaus contra os animais. Atualmente, as ONGs podem fiscalizar as ações do CCZ por meio de uma medida liminar.

Semsa responde

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informou que o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) atua, exclusivamente, em conformidade com as diretrizes da Lei n.1.590, de 26 de setembro de 2011, que disciplina a criação, propriedade, posse, guarda, uso e transporte de cães e gatos no município de Manaus.

Conforme o órgão, seguindo essas diretrizes, na quinta-feira, (8) uma equipe de profissionais do CCZ, após denúncias registrando transtornos à comunidade e, principalmente, aos moradores do conjunto Viver Melhor 3, Zona Norte da capital, com acusações por maus tratos a vários animais mantidos em um dos blocos do conjunto, compareceu ao local para notificação da responsável pela guarda dos animais.

De acordo com a Semsa, a equipe foi pela terceira vez ao local para orientar a moradora identificada como tutora dos animais, realizando apreensão de um dos animais, que foi encaminhado ao CCZ, para análise clinica e observação. A secretaria destacou que conforme a legislação estadual, só é feito o resgate do animal se houver denúncia de risco para a saúde pública e transtornos para a comunidade.

Ainda a Semsa completou que o CCZ, seguindo todos os procedimentos realizados em consonância com a legislação, irá permanecer com o animal em observação até finalizar o parecer técnico de boas condições de saúde. Caso o animal tenha o microchip de identificação implantado, será identificado o proprietário e o mesmo comunicado a comparecer ao CCZ para realizar o resgate do animal. Caso o proprietário não tenha interesse, o animal será encaminhado para adoção, obedecendo ao protocolo preconizado.

FONTE: acritica

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪