RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Mostrando postagens com marcador Rio de Janeiro. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Rio de Janeiro. Mostrar todas as postagens

10/31/2018

Salários de funcionários da Fazenda Modelo estão atrasados e tratamento aos animais é prejudicado

Bem, falaram que ia reabrir hoje. A conferir!!!!! Publiquei ontem sobre o assunto, mas, fiz questão que nossos leitores vissem as imagens deprimentes..... O capim está cobrindo!!!!! E não está pior porque tem um grupo da proteção dando a maior força possível....
-----------------
Funcionários da Fazenda Modelo da Prefeitura do Rio de Janeiro, que cuida de

10/28/2018

Três filhotes de capivara nascem na Lagoa da Tijuca

Mesmo com esta lixarada e poluição nas águas, os animais conseguem sobreviver e até procriar. Com certeza serão filhotes com deficiência alimentar e pode ser até que não sobrevivam....
----------------
Três filhotes de capivara que nasceram há três dias no entorno da Lagoa da Tijuca, na Baixada de Jacarepaguá, foram

10/25/2018

Hospital veterinário 24 horas é aberto no BarraShopping

Gosto de divulgar para as pessoas saberem de mais um ponto de assistência ao animal durante a noite.
---------------
Nova unidade do Città Vet conta com emergência, consultórios para atendimento e serviços de pet shop
RIO — A rede Città Vet inaugura nesta segunda, no BarraShopping, um hospital veterinário com funcionamento 24 horas,

10/17/2018

Jacarés são flagrados circulando pelas ruas do Recreio

É só não mexer com ele.... conviver porque nós é que estamos no habitat deles.... Mas, olha que baitão..... kakakaka..... só tenho preocupação com os cães e gatos da área.....
-----------------
Aparecimento de jacarés em ruas do Recreio, Zona Oeste do Rio, assusta moradores
Na última semana, uma moradora filmou um dos animais, que mede cerca de 1,4 metro, andando por uma avenida movimentada durante à noite. Moradores

10/16/2018

Crivella lança campanha de vacinação de animais contra a raiva

Barbaridade!!!!! Prefeito precisar de campanha de vacinação para se promover é dose!!!!
------------------
Objetivo é imunizar 500 mil cães e gatos contra a doença, superando o recorde dos últimos seis anos, com 468 mil animais vacinados em 2017
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, lançou a campanha "Se liga, bicho! Raiva é caso sério - 2018", com objetivo de vacinar 500 mil cães e gatos

10/10/2018

Cachorro é resgatado no meio da Linha Amarela, no Rio de Janeiro


Tentei achar notícias sobre o cachorrinho, mas, ainda não consegui. Se alguém souber informa pra gente? o danadinho deu trabalho e que bom que as pessoas ajudaram...... Como ele foi parar lá, minha Santa dos Perdidos? 
---------------------

Projeto de lei altera Código Estadual de Proteção aos Animais

Eu só quero ver no que isto vai valer na hora que Bolsonaro acabar com tudo..... Jesus amado!!!!!! Vou anular voto porque não aceito PT nem o doidão!!!!!
--------------
Texto define os tipos de animais e suas funções sociais, além de definir e proibir diversos atos que podem ser entendidos como maus-tratos.
Rio - A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta

9/20/2018

Jacarés são vistos em vários pontos da cidade do Rio de Janeiro

Imprensa gosta de fazer fuzuê..... Na matéria ninguém parece assustado.... me pareceu que todo mundo curtia os bichos.... até uma entrevistada respondeu: é só não mexer com eles..... O repórter procurou sensacionalismo, mas, não conseguiu..... Bem, foi minha impressão....
------------------

9/15/2018

Voluntário recolhe lixo da Lagoa de Jacarepaguá e alerta para a importância da preservação do meio ambiente

Gente, é um exemplo que deveríamos todos seguir.... Tem tanta gente que mora naquelas bandas de Jacarepaguá e Barra que bem podia dar ma força ao Zé da Lagoa que além do trabalho voluntário, ainda cata latinhas para comprar gasolina para o motor do barquinho que ele mesmo fez...... Dose!!!!! onde andam a Secretaria do Meio Ambiente da Prefeitura e os órgãos estaduais?

9/14/2018

Foca-caranguejeira encontrada no Recreio volta para o mar Leia mais: https://oglobo.globo.com/rio/foca-c

Que coisa mais linda, não? ainda bem que os cariocas se comportaram civilizadamente..... Ninguém incomodou a foca que acharam que era um leão marinho.....
-----------------
Foca-caranguejeira encontrada no Recreio volta para o mar; veja o vídeo. Animal parou para descansar na orla carioca nesta sexta-feira
RIO — A mais ilustre visitante em terras cariocas neste feriadão deixou o Rio na manhã deste sábado. Hospedada há

7/28/2018

Pesquisadores fazem imagens raras de orcas no Rio de Janeiro

Estes animais são magníficos!!!! lindos!!!! majestosos!!!!!! Que possam viver longe dos humanos sem serem caçadas....
------------
Animais costumam nadar em águas frias. As duas fêmeas adultas mediam entre 4 e 5 metros de comprimento, segundo bióloga do projeto Ilhas do Rio.
Imagens raríssimas de duas orcas fêmeas foram registradas, na terça-feira (24), no

7/19/2018

Agora é lei: eutanásia de cães e gatos é proibida no estado do Rio

Gente, ainda tinha CCZ aqui do Rio que praticava extermínio de animais saudáveis? Gostaria muito de saber qual era para comunicar sobre esta lei, né mesmo? Em São Paulo tem uma lei do gênero, mas, eu sei que muitos municípios daquele estado ainda faziam matança.... Foi uma boa legislação. Agora, aqui no Rio, não sei mesmo algum CCZ que matasse animais recolhidos da rua. A

6/25/2018

RESGATE: Gavião ferido após se chocar com carro é resgatado no Rio

Tem gente que não acredita, mas, o Rio de Janeiro tem muito gavião, maritacas, tico-tico, pombos, e outros tantos a vontade..... Até gavião carcará já fotografei da minha casa.... Tenho sentido falta das rolinhas e pardais. Enfim, os perigos da cidade grande coloca eles em terríveis acidentes..... como este.... Tomara que se recupere bem.
===============
Ave foi encontrada em canteiro de via expressa
Um gavião com ferimentos em uma das asas, causados provavelmente após um choque com um carro, foi resgatado por agentes da Patrulha Ambiental da Prefeitura do Rio, nesta sexta-feira, no Bairro de Jardim América, na Zona Norte do Rio. A ave estava no canteiro de uma das pistas da Avenida Brasil, próximo a um motel.

O gavião foi resgatado após o Linha Verde do Disque-Denúncia (2253-1177), projeto voltado para o meio ambiente, ter recebido uma ligação de um homem que dizia ter encontrado a ave.

Ela foi encaminhada ao Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS) , onde após receber tratamento, será solta em seu habitat natural. Quem quiser solicitar ao linha Verde o resgate de qualquer animal silvestre ferido no Rio , pode ligar para o telefone 2253 1177.

FONTE: oglobo

6/13/2018

MAIS UM? Estado do Rio vai ganhar Conselho Estadual de Proteção dos Animais

Olha, nem vou falar nada porque cansei..... Não sei porque as pessoas não agem ao invés de ficar nesta masturbação mental..... A causa precisa de ação, pô!!!! Conselho (mais um feito para plataforma eleitoral) onde a maioria não sabe meleca nenhuma sobre a causa, me dá um entojo danado.... Vou vomitar!!!!
------------------
Órgão será responsável por propor políticas de proteção dos animais e a lei foi publicada no Diário Oficial nesta segunda-feira

O Estado do Rio deverá criar um Conselho Estadual de Proteção dos Animais (Conepa), que será responsável por propor diretrizes para a política de proteção dos animais. A determinação é da Lei 7.983/18, de autoria do deputado Paulo Ramos (PDT), que foi sancionada pelo governador Luiz Fernando Pezão e publicada no Diário Oficial do Executivo nesta segunda-feira (11/06).

De acordo com a medida, o conselho será composto por 22 representantes, sendo 11 integrantes de órgãos públicos estaduais e 11 representantes da sociedade civil, indicados pelos conselhos de Medicina Veterinária e de Biologia, e por associações protetoras dos animais. O Conepa também será responsável por promover palestras, debates e divulgação de informações sobre o tema.

“Os protetores de animais precisam ter um instrumento para elaboração e realização de políticas públicas em prol dos animais, e um conselho é uma oportunidade. Essa é uma luta que mobiliza muitas pessoas, que precisa do apoio do poder público para que a proteção aos animais seja efetiva”, avaliou

FONTE: odia

5/16/2018

FURADA: Vereador vai ao Conselho de Vets e fica sabendo que castramóvel não é urna eleitoral

Gente, me fala só uma coisa: como um vereador faz um "projeto de lei" desnecessário, inconstitucional (com a cumplicidade pela assinatura do Prefeito Crivella que o transformou em lei) e só depois vai no Conselho de Veterinária para saber o que tem pra fazer para um castramóvel funcionar? E ainda tem gente que aplaude toda esta imoralidade!!!!!! Ainda bem que o Presidente do Conselho, esclareceu as exigências impostas por Resolução a respeito deste tipo de programa de controle populacional. 

Jesus, alivia meu karma de falar e ninguém querer ouvir!!!!!! Quero ver o projeto funcionar no que ele chama de áreas carentes..... Fala sério!!!!! o trailler da SUIPA levou tiro e foi roubado porque a violência destes locais é grande..... E o "bonitão" ainda quer que a prefeitura assuma a montagem e despesa do funcionamento do castramóvel só para ele fazer campanha política? Usar o nosso dinheiro? Socorro, me tira o tubo!!!!!!
----------------
Da esquerda para a direita: assessor da presidência do CRMV-RJ, André Siqueira; vereador e autor do projeto de castramóvel na cidade do Rio de Janeiro, Luiz Carlos Ramos Filho; e presidente do CRMV-RJ, Romulo Spinelli
O presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Rio de Janeiro (CRMV-RJ), Romulo Spinelli, e o assessor da presidência do CRMV-RJ, André Siqueira, reuniram-se, nesta quinta-feira (10), com o vereador e presidente da Comissão dos Direitos dos Animais, da Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro, Luiz Carlos Ramos Filho (PODE), autor do projeto de castramóvel, sancionado esta semana pelo prefeito da cidade, Marcelo Crivella.

O presidente do CRMV-RJ, preocupado com o referido projeto, posicionou-se firmemente quanto aos objetivos propostos e ao funcionamento deste castramóvel. Spinelli ressaltou, também, que o projeto deverá seguir rigorosamente a Resolução CFMV nº 962/2010, e ser submetido à análise e aprovação do Conselho Regional. (grifo nosso)

Além disso, deverá ter a presença obrigatória de um médico veterinário responsável técnico, cumprir a finalidade de controle populacional, educação, saúde e guarda responsável. O projeto de castramóvel terá de contemplar, ainda, um programa prévio e apresentar relatório final de cada campanha realizada ao Conselho Regional. (grifo nosso)

O vereador, no entanto, mostrou-se sensível às ponderações e disse que cumprirá rigorosamente a legislação do Sistema CFMV/CRMVs, além de garantir que o veículo será utilizado exclusivamente para o atendimento de áreas carentes da cidade.

Fonte: CRMV
=======
Leia mais:
ILEGALIDADE: Rio vai contar com unidade móvel para castração de animais de rua

COMÉRCIO DE ANIMAIS: Pavuna sofre com violência, comércio ilegal e transporte irregular

Esta feira de Pavuna é uma sucursal da de Caxias, ponto máximo de tráfico de animais aqui no município do Rio de Janeiro.... Se a polícia resolve? Respondo na próxima, pode ser? 
----------
Parte do bairro convive com problemas que decorrem da desordem urbana e da ausência do poder público na região
Rio - Na estação do metrô da Pavuna, na Zona Norte do Rio, circulam diariamente 44 mil passageiros. O caminho para embarcar no transporte é árduo. Todos precisam enfrentar a desordem urbana e a ausência do poder público. As irregularidades vão desde a venda de produtos roubados e piratas até a comercialização de animais, celulares, tablets e peça de carros, além da exploração de máquinas de caça-níqueis.

Inaugurada em 1998, a estação terminal da Linha 2 é cercada por três grandes complexos de favelas: Chapadão, Pedreira e Acari, todas de facções rivais e principais rotas de roubo de cargas no Rio. O acesso pode ser feito pela Rua Judite Guerra (Lago da Pavuna) ou pela Avenida Pastor Martin Luther King Júnior. Fica ainda a poucos metros da 39ª DP e está na área de atuação do 41° BPM (Irajá).

Na região, há também pontos irregulares de vans e de mototáxi. Como constatou O DIA no cadastro do Detran, alguns automóveis estão com a vistoria atrasada e em péssimas condições de uso. Já os mototaxistas transportam pessoas em motos sem placas, sem capacetes e sem serem incomodados.

Motoristas de ônibus também cometem infrações de trânsito, como estacionar em local proibido, e param fora do ponto. Entre as barracas espalhadas pelas calçadas e nas passarelas de acesso à estação, é possível encontrar também lixo.

CAMELÓDROMO
O DIA comprou em camelôs cinco produtos sem notas fiscais e pela metade do preço encontrado nos supermercados e nas drogarias. As mercadorias são de marcas conhecidas: mortadela (R$ 2, de 200g), amaciante de roupas (R$ 3, de 500ml), repelente (R$ 5, de 100ml), iogurte (R$ 4, de 600g) e xampu (R$ 8, de 200ml). Tudo foi entregue à Polícia Civil, que registrou o caso e abriu inquérito para investigar a procedência.

"Fazemos operações regularmente no entorno da estação da Pavuna. Há olheiros, com radiotransmissores, que avisam da nossa chegada. Peço à população que denuncie e não compre esses produtos para não estimular o roubo de cargas", disse o delegado titular da 39ª DP, Henrique Damasceno.

Investigadores da delegacia contaram que no local são apreendidos produtos roubados e pessoas também já foram presas por receptação. Na calçada da Rua Judite Guerra, por exemplo, há uma feira livre de celulares usados, que incluiu iPhones e outros aparelhos.

Em 2017, foram registrados 10.598 roubos de cargas segundo dados do Instituto de Segurança Pública um caso a cada 50 minutos. Destes, 1.247 ocorreram na área do 41° BPM. De acordo com estudo da Firjan, divulgado em janeiro, o prejuízo foi de R$ 607,1 milhões. Em 2018, o ISP registrou, até março, 1.810 roubos deste tipo, sendo 229 na região do 41° BPM.


DIFICULDADES NA INVESTIGAÇÃO
A opinião dos investigadores é unânime: há uma dificuldade de se investigar produtos roubados vendidos nas ruas. Segundo eles, em um mesmo lote, as mercadorias podem ser comercializadas pelos fabricantes para estados diferentes, o que dificulta a identificação do crime por nota fiscal.

"O produto é apreendido com o camelô porque ele não tem nota fiscal e não por ser uma mercadoria roubada. Por isso, existem as grandes operações contra roubo de cargas. Nesses casos, as investigações estão avançadas", explicou um inspetor.

Os policiais querem a aprovação de um projeto de lei que "torna obrigatório o número de lote, de série ou qualquer outro elemento individualizador do produto, tornando possível a identificação do mesmo". A proposta aguarda parecer da Comissão de Finanças e Tributação da Câmara. Na sexta-feira, a Polícia Federal prendeu 14 pessoas em uma operação contra uma quadrilha de roubo de cargas. Os agentes atuaram no Rio, Belford Roxo e Duque de Caxias.

ÓRGÃOS DIZEM QUE ATUAM NA REGIÃO
Procurado pelo DIA, o titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC), Delmir da Silva Gouvêa, informou, por meio da assessoria de imprensa, que realiza ações para identificar e desarticular quadrilhas que agem no estado do Rio. Ele citou a Operação Expugno II, deflagrada na quarta-feira quando 19 pessoas foram presas nas favelas Furquim Mendes, Dique, Beira Rio e Ficap, na Zona Norte.

Em nota, a Guarda Municipal disse "atuar para desobstruir o espaço público, em apoio aos órgãos fiscalizadores como a Coordenadoria de Controle Urbano (CCU) e a Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização (CLF), em operações de rotina ou integradas com as forças policiais, no caso de áreas de maior risco".

A CCU ressaltou que intensificará as operações. A Secretaria Municipal de Transportes informou que "iniciou a seleção de policiais militares da reserva para recompor a equipe de fiscalização" contra vans e mototáxis. O Metrô Rio, no entanto, não quis se pronunciar sobre o caso. A Polícia Militar não respondeu aos questionamentos do DIA.

FONTE: odia

4/02/2018

Traficantes encontram tamanduá-mirim em mata próxima de comunidade no Rio

Só fiquei preocupada se ele estaria em condições de sobreviver.... mas, tendo sido examinado por veterinário, acho que isto foi avaliado....
--------------
Bicho foi deixado amarrado a um ferro em uma calçada e resgatado pela DPMA
Encontrado, segunda-feira, por traficantes em área de mata perto do Morro da Coroa, em Santa Teresa, um tamanduá mirim (Tamandua tetradactyla) foi solto na terça-feira, no Parque Nacional da Tijuca. O animal foi resgatado por agentes da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), com apoio do Corpo de Bombeiros, após vídeo circular nas redes sociais mostrando o bichinho amarrado a um ferro em uma calçada da comunidade. 

Segundo o delegado-titular da DPMA, Antonio Ricardo, o tamanduá-mirim estava, desde segunda-feira, preso sendo mantido como animal de estimação. A comunidade se mobilizou e o tráfico, temendo ação da polícia, decidiu deixar o bicho e a polícia conseguiu pegá-lo. O tamanduá não tinha sinais de maus-tratos e estava bem.

Após o resgate, o animal foi levado para o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras), em Vargem Pequena, onde foi examinado por um veterinário especializado em fauna nativa. Após constatarem que o animal estava bem, ele foi solto. 
Parabéns aos agentes da DPMA, do Corpo de Bombeiros e do Cras!

Fonte: O Dia

3/03/2018

Defensores dos animais querem criar santuário de jacarés na Zona Oeste

A ideia é ótima, até porque temos pessoas dedicadas a cuidar destes animais....
---------
Proposta será apresentada ao poder público
RIO - Com aparições de jacarés cada vez mais frequentes nas áreas urbanas, principalmente nas lagoas da Zona Oeste, a Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da OAB do Rio decidiu propor a criação de um santuário na região. Segundo estimativa feita pelo Instituto Jacaré - que realiza pesquisas e trabalha em prol da preservação desses animais -, já chega a quatro mil o número de répteis.

— A ideia é que o santuário seja criado dentro dessa região, em respeito ao espaço dos animais. Nossa proposta é de que as visitas ao local sejam limitadas, para garantir dignidade aos jacarés — destaca o presidente da comissão, Reynaldo Velloso.

Segundo ele, o que tem tornado mais comum o encontro dos répteis com os moradores de Jacarepaguá, Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes não é o aumento da população de jacarés e sim o avanço dos grandes empreendimentos imobiliários na Zona Oeste nos últimos anos.

— O habitat dos bichos foi reduzido e eles ficaram mais concentrados nas poucas áreas naturais, espremidos entre prédios, ruas e avenidas.

A comissão realiza no próximo segunda, às 10h, um evento para finalizar a proposta. O Projeto Jacarés, como está sendo chamada a iniciativa, será apresentado ao poder público. Além do Instituto Jacaré, o evento da OAB/RJ tem o apoio do Instituto São Francisco de Assis (Isfa) e do Instituto Eventos Ambientais (Iefa). Para participar do debate, basta inscrever-se pelo email cpda@oabrj.org.br. A participação é gratuita.

FONTE: oglobo

2/28/2018

Moradores denunciam animais circulando livremente nas ruas de Sepetiba, no Rio

Olha, daí não sei o que dizer o que seria melhor..... Os animais recolhidos, vão para o CCZ. Depois de uns dias, ninguém reclamando vão para um curral em Seropédica e daí são negociados e voltam para mãos de carroceiros da pior qualidade..... O que pensar, gente? Eu não sei..... Só posso afirmar que esta gestão da Prefeitura do Rio é a pior de todas....
-----------
Os moradores de Sepetiba, na Zona Oeste do Rio, reclamam de animais que circulam pelas vias públicas, sem dono, e atrapalham a circulação dos carros. Eles afirmam que é um risco para as pessoas e para os bichos, que muitas vezes são atropelados.

Na Estrada de Sepetiba não é raro observar o trânsito sendo interrompido por causa de animais de grande porte como bois, vacas e cavalos. “Ontem quase aconteceu um acidente aqui. Uma vaca passou na rua e o cara freou em cima”, contou o comerciante Adalto Rodrigues.

Os moradores já entraram em contato com a Prefeitura do Rio várias vezes. Nos protocolos de reclamação, os órgãos públicos afirmam sempre que o problema foi solucionado, mas a quantidade de animais nas vias públicas mostra que não.

O decreto municipal que regulamenta o assunto afirma que os bichos não podem ficar soltos nas vias públicas. A determinação é que eles sejam recolhidos pelo Centro de Controle de Zoonoses. Lá, os animais ficam até três dias esperando o dono. Se isso não acontecer, o animal passa a pertencer ao município. Questionada, a Prefeitura do Rio de Janeiro afirmou que os pedidos recebidos pelo sistema 1746 são enviados aos órgãos competentes.




Fonte: G1

2/16/2018

Chuvas no Rio de Janeiro alagam a cidade

Não consegui obter mais informações além destas fotos do cãozinho em cima do carro e de cabras em cima do telhado. Ouvi um morador em matérias de TV que seu passarinho e papagaio morreram por conta de um muro que desabou na sua casa.

Cachorro sobe no teto de carro para fugir de alagamento no Magarça, Campo Grande. 
(Foto: Reprodução / Tv Globo) 

Bote do Corpo de bombeiros ajuda no resgate de moradores ilhados no Magarça 
(Foto: Reprodução / Tv Globo)

EM DESTAQUE


Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪